A seguir indicamos as Perguntas mais freqüentes (PMF) que recebemos de nossos leitores sobre ZENIT. 


O que é ZENIT? 

ZENIT é uma agência de notícias internacional sem fins lucrativos, feita por uma equipe de profissionais e voluntários convencidos da extraordinária riqueza da mensagem da Igreja católica, em particular da sua doutrina social, como luz para compreender a atualidade. 

 

Quem é o proprietário de ZENIT? 

A proprietária e editora de ZENIT em todos os idiomas é Innovative Media Inc., Sociedade sem fins lucrativos do Estado de Nova York (EUA) que é também titular desse web site e dos direitos autorais de todos os conteúdos nele publicados, com exceção dos textos nos quais esteja explicitamente citado que a titularidade dos direitos pertença a outra pessoa.

 

Qual é a finalidade de ZENIT? 

Informar, com o máximo profissionalismo e fidelidade à verdade, e com utilização mais eficaz possível das tecnologias disponíveis, sobre "o mundo visto de Roma"; ou seja, visto através da mensagem do Papa e da Santa Sé, informar sobre: os grandes acontecimentos da Igreja no mundo, os argumentos, os debates, os eventos que interessam particularmente à vida dos cristãos dos cinco continentes. 

 

Que tipo de informações posso encontrar em ZENIT? 

A cobertura realizada pelos serviços informativos de ZENIT é dirigida, sobretudo, a: 

- atividades do Papa: viagens, documentos, Encontros com chefes de Estado e eminentes personagens do campo social, cultural e religioso. As atividades do Santo Padre e suas intervenções são reportadas com uma particular atenção. Suas palavras são um estímulo à reflexão não só dos católicos. 

- Entrevistas com homens e mulheres da Igreja e com personalidades do mundo da política, cultura e espetáculo sobre temas de particular interesse. 

- Atualidade internacional, com particular atenção a questões de interesse para os cristãos e a vida da Igreja Católica. 

- Atualidade do Vaticano: atividade diplomática, iniciativas humanitárias, atividade cultural, perfis dos "líderes" da Igreja Católica. 

- investigações exclusivas sobre atualidades de interesse social, político e religioso no centro do debate público. Com particular atenção são tratados os temas referentes a: defesa da vida e da família, justiça social, bioética, eutanásia, aborto, contracepção, respeito aos direitos humanos, violação da liberdade religiosa, perseguição dos cristãos no mundo. 

 

Por que surgiu ZENIT? 

Na equipe de profissionais e voluntários sempre esteve bem presente a convicção da extraordinária riqueza da mensagem da Igreja católica, em particular de sua doutrina social, como luz para compreender a atualidade. 

Constatamos, ao mesmo tempo, que esta riqueza é muito pouco conhecida no panorama informativo, motivo pelo qual nos esforçamos para apresentá-la na Internet no modo mais eficaz possível. 

 

Quando surgiu ZENIT? 

Em Maio de 1997 iniciaram os serviços informativos de ZENIT em língua espanhola. 

Sucessivamente, com o crescimento da agência, foram, passo a passo, iniciando as edições em outros idiomas: em Janeiro de 1998 em Inglês, em Janeiro de 1999 em Francês, em Outubro de 1999 em Alemão, em Abril de 2003 em Português, em Março de 2004 em Italiano e, finalmente, em Novembro de 2006 em Árabe. 

 

Como surgiu ZENIT? 

Nasceu da iniciativa de alguns jornalistas convencidos do sucesso que poderia ter em todo o mundo a difusão da informação religiosa, e em particular da atualidade referente ao Papa e à vida da Igreja católica, utilizando as grandes oportunidades comunicativas que há época (1997) o desenvolvimento tecnológico estava começando a tornar acessível a todos, com custos extremamente limitados: em particular o correio eletrônico e a Internet. 

Nos primeiros três anos de vida, alguns importantes donativos da Organização «Ajuda à Igreja que Sofre», da Conferência Episcopal Italiana e da Congregação dos Legionários de Cristo outorgaram confiança a este projeto e permitiram o nascimento da agência e seu crescimento inicial. 

 

A quem se dirige ZENIT? 

A informação de ZENIT não é somente dirigida aos meios de comunicação que fazem uso profissional mas também para qualquer leitor que deseja receber diretamente em seu computador, em qualquer parte do mundo, uma informação direta e confiável sobre as atividades do Papa, sobre o Magistério e a vida da Igreja católica, sobre os grandes acontecimentos, a atualidade, os debates, os eventos de interesse mundial «vistos de Roma». 

Atualmente os meios de comunicação que usam ZENIT em todo o mundo são mais de 20.000 e são extremamente variados: grandes e pequenos canais televisivos e de rádio, jornais e revistas, portais, web sites, boletins diocesanos e paroquiais, pequenos noticiários... 

A mesma enorme variedade encontramos também entre as organizações e os leitores que recebem ZENIT. Entre as centenas de milhares de leitores que recebem todos os dias os serviços via e-mail encontramos representadas praticamente todas as possíveis atividades humanas. 

Como demonstram os testemunhos verdadeiramente impressionantes que recebemos, entre os nossos leitores estão muitíssimas pessoas e missionários que vivem em realidade difícil com escassíssimos recursos e que, graças ao recebimento gratuito de ZENIT, têm à disposição uma via de informação direta e em tempo real que os permite sentir-se mais próximos à Igreja de Roma. 

Ao mesmo tempo, cremos que a Igreja católica tem muita influência na formação da opinião pública mundial e um papel ativo na configuração das tendências sociais e geopolíticas globais. Independentemente do fato de estar mais ou menos de acordo com suas posições de caráter social ou moral, sua voz não pode ser ignorada em análises, debates ou discussões que mais ou menos de acordo com suas posições de caráter social ou moral, sua voz não pode ser ignorada em análises, debates ou discussões que seguem a objetividade e a pluralidade. 

Consideramos, portanto, que oferecer uma informação profissional sobre temas de interesse religioso, e em particular sobre as ações e posições da Igreja católica, possa, entretanto, representar um serviço de interesse qualquer um, qualquer que seja sua crença religiosa. 

 

Onde está localizada ZENIT? 

Innovative Media Inc., proprietária e editora de ZENIT em todas as línguas, é uma Sociedade sem fins lucrativos do Estado de New York (EUA). É registrada em diversos Estados dos Estados Unidos da América e atualmente tem sua sede na Georgia. 

Na verdade não existe uma sede física onde está localizada a Redação de ZENIT. Podemos perfeitamente afirmar que ZENIT não tem escritório: seu escritório é a rede. 
Isto não só nos permitiu reduzir custos elevados, mas também permite que qualquer pessoa possa colaborar com este projeto informativo, em tempo completo ou meio tempo, de qualquer lugar do planeta. 

As mais de 50 pessoas que hoje trabalham em ZENIT estão distribuídas em 12 países (EUA, Espanha, França, Itália, Alemanha, Áustria, Inglaterra, Brasil, México, Austrália, Rússia, Líbano) e estão todas em contínua comunicação através da rede. 

 

Posso visitar a Redação? 

Na verdade não existe uma sede física onde está localizada a Redação de ZENIT. Podemos perfeitamente afirmar que ZENIT não tem escritório: seu escritório é a rede. 

Isto não só nos permite reduzir os custos elevados, mas também permite que qualquer pessoa possa colaborar com este projeto, a tempo completo ou meio tempo, de qualquer canto do planeta.

 

ZENIT representa o Vaticano? 

Zenit é uma agência de notícias independente e profissional, que não pertence nem representa ao Vaticano. 

Contudo, a agência assumiu como critério de redação «O mundo visto de Roma», ou seja, através de seu trabalho informativo quer oferecer uma visão do mundo tal e como é vista e proposta pela Santa Sé. 

Para oferecer este trabalho mantém relações com os diferentes organismos da Santa Sé, em particular com o Conselho Pontifício para as Comunicações Sociais, mas sempre a partir da independência que é própria de seu trabalho informativo. 

 

É necessário pagar para receber as notícias de ZENIT? 

Não. O recebimento e a utilização de ZENIT é gratuito para aqueles que fazem uso pessoal. 

Por outro lado, a quem faz uso profissional de ZENIT, aos meios de comunicação e às Organizações temos tarifas para a utilização e republicação das notícias. 

Entretanto, como nossa prioridade é a difusão máxima das informações estamos dispostos a personalizar as tarifas adaptando-as a todo tipo de situação. 

Convidamos você a consultar a página "condções de uso" para encontrar informações úteis sobre nossos critérios na definição das tarifas personalizadas e como entrar em contato para obter a permissão de publicação das notícias de ZENIT. 

 

Quem financia ZENIT? 

Coerentemente com sua natureza "sem fins lucrativos", ZENIT escolheu favorecer ao máximo a difusão de suas notícias e, partindo deste princípio, renunciou a uma distribuição limitada somente aos assinantes pagos. 

Por esta razão que ZENIT oferece gratuitamente seu serviço informativo a todos aqueles que fazem "uso pessoal"das notícias, e põe à disposição uma ampla possibilidade de tarifas personalizadas a quem faz uso profissional, aos meios de comunicação e às Organizações cuja finalidade estejam ligadas à evangelização e que estejam em dificuldade econômica. 

Como conseqüência, o papel fundamental na vida e no desenvolvimento de ZENIT é de seus leitores que, com suas doações, são realmente os protagonistas absolutos no sustento econômico e, portanto, na existência e no crescimento de ZENIT. 

De fato, como se pode constatar no orçamento anual, as doações cobrem 90% das entradas e, em particular, 80% provêm das contribuições dos leitores. 

Verdadeiramente ZENIT é uma agência que vive do sustento difundido em massa por seus leitores. 

 

ZENIT tem uma orientação ideológica? 

Zenit tem por critério editorial «O mundo visto de Roma», ou seja, a visão da Santa Sé sobre a atualidade mundial. Neste sentido, não é uma agência nem de esquerdas ou de direitas, nem conservadora, nem progressista. 

Sua bússola é a doutrina social da Igreja, recolhida pelo «Compêndio» publicado pelo Conselho Pontifício «Justiça e Paz».