A encíclica Lumen Fidei se torna bestseller em apenas um mês

Esperadas agora a nova encíclica Bem-aventurados os pobres e a exortação pós-sinodal sobre a nova evangelização

Roma, (Zenit.org) Redacao | 890 visitas

A encíclica Lumen Fidei (A luz da fé), a primeira do papa Francisco, escrita em conjunto com Bento XVI e publicada em 5 de julho, vem se revelando um verdadeiro bestseller. A Rádio Vaticano informa que, no primeiro mês de divulgação, foram vendidos só na Itália 200.000 exemplares da edição da Livraria Editora Vaticana (LEV). 

Os números são particularmente impactantes porque o texto foi publicado em pleno início do período de verão europeu. Outras editoras estão publicando a encíclica com autorização da LEV.

A emissora vaticana recorda ainda que outros textos do papa Francisco são esperados para dentro de algumas semanas: a exortação apostólica pós-sinodal sobre a nova evangelização, cuja publicação deveria coincidir com o encerramento do Ano da Fé (24 de novembro próximo) e o projeto de uma nova encíclica sobre a pobreza, cujo título seria Beati pauperes (Bem-aventurados os pobres).