A importância da participação ativa dos leigos na sociedade

50°Assembléa Geral da CNBB em Aparecida

| 1083 visitas

APARECIDA, quinta-feira, 19 de abril de 2012(ZENIT.org) – Os bispos participantes da 50° Assembléia Geral da CNBB discutiram o tema do Estado Laico, ressaltando a importância da participação ativa dos leigos na sociedade.

A CNBB informou que após acompanhar uma palestra sobre o Estado Laico, dirigida pelo professor Fábio Comparato, doutorem Direito Internacional, os bispos participantes da 50ª Assembleia Geral discutiram o tema, ressaltando a importância da participação ativa dos leigos na sociedade.

Entre as intervenções dos bispos, dom Angélico Sandalo Bernadino, para que os cristãos leigos façam esta participação, é preciso formar a consciência do compromisso, especialmente pela promoção dos Direitos Humanos. “A preocupação com o capitalismo é legítima. Mas o fundamental é cuidar do cristianismo. O culto cristão não pode estar dissociado da libertação plena do ser humano”, continuou a notícia da CNBB.

O arcebispo de São Paulo, cardeal Odilo Pedro Scherer lembrou que muitas atitudes ou posições assumidas na sociedade são confundidas como posturas da Igreja. “Há uma dificuldade muito grande de aceitar a presença pública da Igreja e dos cristãos enquanto cidadãos”.  Ele recordou que a Igreja não tem problemas de conviver com o Estado Laico. “É muito importante a fortalecer o nosso laicato a terem uma presença cristã na sociedade, não como Igreja, mas como cidadãos”, concluiu dom Odilo.