A missão da Igreja no mundo contemporâneo

Congresso dos Missionários Xaverianos

| 1080 visitas

ROMA, quinta-feira, 19 de julho de 2012(ZENIT.org) – Avaliar continuamente a maneira de viver a missão para torná-la mais adequada aos tempos atuais é a proposta do Congresso realizado pela Congregação Religiosa de Missionários Xaverianos .

O Encontro, destaca o documento de apresentação, é um instrumento para “aprofundar os aspectos essenciais que iluminam a missão da Igreja no mundo contemporâneo”.

Os pontos de reflexão do Congresso que já iniciou e termina dia 29 de julho, na cidade de Tavernerio, Itália, são vários. As palestras e debates se concentram no significado e no âmbito da evangelização na práxis da família xaveriana; na evolução da missiologia como critério conceitual e interpretativo ou sobre a urgência, as relações, as esperanças e problemas da Igreja missionária.

O Congresso tem como referência o magistério do fundador da congregação, São Guido Maria Conforti que foi o primeiro presidente da Pontifícia União Missionária e quis que seus missionários tivessem uma grande abertura de horizontes, capacidade de adaptação mantida por uma humanidade rica e equilibrada, e uma cultura correspondente às necessidades da missão evangelizadora.

Dom Guido Maria Conforti, arcebispo de Parma, fundador da Pia Sociedade de São Francisco Xavier para as Missões Exteriores foi canonizado em 23 de outubro de 2011, Dia Mundial das Missões. Dataem que BentoXVIcanonizou também Luiz Guanella, sacerdote, fundador da Congregação dos Servos da Caridade e do Instituto das Filhas de Santa Maria da Providência e Bonifacia Rodrigues de Castro, fundadora da Congregação das Servas de São José.

As propostas e resultados do Congresso constituirão matéria de reflexão e sugestões para as circunscrições e para a congregação em geral também em vista de seu XVI capítulo geral.

MEM