A Palavra tornou-se vida que alimenta a todos nós

Dom Giovanni D`Aniello no encerramento da 50°AG dos Bispos do Brasil

| 1226 visitas

Por Maria Emília Marega

APARECIDA, quinta-feira, 26 de abril de 2012(ZENIT.org) - Celebração Eucarística presidida pelo núncio apostólico no Brasil, dom Giovanni D’Aniello  marca o encerramento da 50ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)que  reuniu todo o episcopado brasileiro em torno do Altar do Santuário Nacional de Aparecida.

Em sua homilia, o núncio apostólico, dom Giovanni D’Aniello afirmou que é uma grande alegria iniciar sua missão sob a proteção da Padroeira do Brasil.

Dom Giovanni D`Aniello foi nomeado núncio apostólico para o Brasill em fevereiro deste ano, sucedendo a Dom Lorenzo Baldisseri, que foi nomeado secretário para a Congregação para os Bispos, no Vaticano.

Dentre outras atividades D. Giovanni foi núncio da Tailândia e Camboja e Delegado Apostólico em Myanmar e Laos.

O Cardeal arcebispo de Aparecida e presidente da CNBB, Dom Raymundo Damasceno Assis deu as boas vindas ao Núncio Apostólico no Brasil, Dom Giovanni D’Aniello ressaltando que a celebração em Ação de Graças pelo encerramento da Assembleia Geral reveste-se também de um significado especial.

“Quero desejar a dom Giovanni D’Aniello que a sua missão seja fecunda, pois já começa sob a proteção de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil”, afirmou Dom Damasceno.

O Núncio ressaltou que o Papa Bento XVI o encarregou de transmitir a todos os Bispos do Brasil sua mensagem de saudação afetuosa e sua oração diária.

“A Palavra tornou-se vida que alimenta a todos nós. De fato, quem se alimenta desse pão vivo que é Jesus, apropria-se do Pai que leva a eternidade e a nossa participação nessa eucaristia nos coloca em comunhão com Ele”, afirmou Dom Giovanni.

Dom Giovanni terminou dizendo que “junto de todos” desejava “comemorar a profunda união” que deve haver entre todos. E terminou confiando “a caminhada a Nossa Senhora Aparecida, rainha e Padroeira do Brasil”, para que Ela “ajude nessa missão e interceda junto ao Pai”.