Aachen confere ao Papa de maneira «única» o Prêmio Carlos Magno

| 250 visitas

CIDADE DO VATICANO, sexta-feira, 23 de janeiro de 2004 (ZENIT.org).- A cidade alemã de Aachen conferiu a João Paulo II de maneira «extraordinária e única» o Prêmio Internacional «Carlos Magno», revela esta sexta-feira a Sala de Imprensa da Santa Sé em um comunicado.



O Prêmio, explica o texto, é um reconhecimento «de seu compromisso pessoal e da Santa Sé a favor da unidade entre os povos da Europa em virtude dos valores arraigados na natureza humana e eficazmente promovidos pelo cristianismo».

O comunicado vaticano revela que «o Santo Padre se sente honrado de aceitar este Prêmio que lhe será entregue em 25 de março de 2004 no Vaticano».

Aachen é a cidade mais ocidental da Alemanha, onde confluem as fronteiras de três países: Bélgica, Alemanha e Holanda.

Carlos Magno, falecido no ano 824, fez de Aachen sua residência predileta, por seus mananciais termais. Nela, mandou construir um palácio com capela adjacente, que constituem o núcleo da Catedral (Monumento da Humanidade) e da prefeitura atuais.