Adiada visita da delegação do sínodo a Síria

Cardeal Bertone anunciou que, dada a gravidade dos últimos episódios na região, a viagem será postergada para o final da Assembléia sinodal

| 852 visitas

CIDADE DO VATICANO, terça - feira, 23 de outubro de 2012 (ZENIT.org) - Considerando os trágicos acontecimentos que ocorreram nos últimos dias na Síria, a visita da delegação, composta por representantes do Sínodo e da Santa Sé, provavelmente será adiada para depois da conclusão da Assembleia e haverá alguma mudança na composição dos seus membros.

Estas são as declarações feitas hoje pelo Cardeal Secretário de Estado Tarcisio Bertone, durante a décima nona Congregação Geral do Sínodo dos Bispos, em que se discutiu sobre a apresentação do Elenchus Unicus Propositionum.

Na terça-feira passada, o cardeal anunciou a decisão do Santo Padre de enviar uma delegação a Damasco. Uma forma  - disse Bertone - "para expressar sua solidariedade e a do Sínodo e de toda a Igreja para com a população da Síria que há algum tempo, infelizmente, vive uma situação trágica de sofrimento”.

A visita pretende ser uma oportunidade de "mostrar a nossa proximidade espiritual aos irmãos e irmãs cristãos daquele país, juntamente com um incentivo para aqueles engajados na busca de uma solução que respeite os direitos e deveres de todos", acrescentou.

A iniciativa "teve um grande eco" em Roma, na Síria, mas também a nível internacional, “recebendo um acolhimento positivo", explicou o cardeal. Apesar dos trágicos acontecimentos que ocorreram nos últimos dias na região, de fato, "o assunto continuou a ser estudado e a visita a ser preparada".

No entanto, "à luz dos contatos e das preparações que estão sendo feitas", continuou o Secretário de Estado, chegou-se à decisão de mudar a data da viagem e alterar a composição da Delegação que vai viajar para Damasco, de acordo com os compromissos de seus membros.

O calendário e a modalidade da visita serão anunciados em breve. "A contribuição das ofertas feitas pelos padres sinodais - acrescentou o cardeal - juntamente com os da Santa Sé será enviada para a Síria, depois do Sínodo, como um gesto de solidariedade fraterna para toda a população”.

A exortação em seguida, a prosseguir no empenho de oração, “que é sempre ouvida pelo Senhor,e da qual eu convido-os a participar com confiança renovada”.

(Trad.MEM)