«Ajuda à Igreja que Sofre» já publica sua «Bíblia da Criança» em 141 idiomas

Desde 1979, editou 40,6 milhões de exemplares em 115 países

| 460 visitas

MADRI, 12 de novembro de 2003 (ZENIT.org).- Assamês, kuki, mizo, nepali, songje e maia são as seis novas línguas nas quais «Ajuda à Igreja que Sofre» (AIS) está publicando um de seus maiores projetos, a Bíblica da Criança «Deus fala a seus filhos».



A Obra de Direito Pontifício --fundada em 1947 pelo padre Werenfried van Straaten-- eleva agora o número de línguas nas quais aparece esta publicação a 141, confirma AIS-Espanha.

Até a data, foram distribuídos 40,6 milhões de exemplares de «Deus fala a seus filhos» em 115 países.

Publicado pela primeira vez em 1979 em espanhol, o volume se converteu em uma ferramenta indispensável para o trabalho pastoral em inumeráveis comunidades de todo o mundo.

O número de línguas em que se publica a obra expressa o compromisso de «AIS» com a inculturação da fé cristã.

As novas edições nas quais a «Bíblia da Criança» é publicada pela primeira vez este ano serão distribuídas no México (maia), na República Democrática do Congo (songje) e na Índia (assamês, kuki, mizo e nepalês).

Na atualidade, cerca de 1% dos cem milhões de habitantes de México fala o maia, sobretudo na península de Yucatán e em Chiapas.

As edições em assamês, kuki, mizo e nepali, na Índia, unem-se agora a edições em outras línguas também distribuídas no país, entre elas o tâmil.

Dom Edward Francis, bispos de Sivangagai --Estado Meridional indiano de Tâmil Nadu--, durante uma visita recente a AIS reconheceu que em seu país já há «mais de 5 milhões de exemplares da Bíblia em língua tâmil».

«Também estamos muito contentes com a Bíblica da Criança “Deus fala a seus filhos”, da qual já distribuímos 714.000 exemplares na mesma língua», acrescentou.

Durante o ano 2002, AIS colaborou com 3,4 milhões de euros em numerosos projetos pastorais neste país.