Anuncia-se «grande congresso» sobre comunidades eclesiais de base

Declarações do cardeal Francisco Javier Errázuriz

| 668 visitas

SANTIAGO DO CHILE, terça-feira, 21 de agosto de 2007 (ZENIT.org).- O cardeal Francisco Javier Errázuriz, arcebispo de Santiago do Chile e até pouco atrás presidente do Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM), anunciou a convocação de um «grande congresso» sobre comunidades eclesiais de base.



O purpurado chileno fez o anúncio em uma declaração publicada em 17 de agosto, na qual esclarece as mudanças que se introduziram ao «Documento de Aparecida» antes de sua aprovação por parte de Bento XVI.

«Há um tema (no qual a modificação foi maior) que é o que mais doeu a muitos grupos no Brasil e também em outros países e é o que se referia às comunidades eclesiais de base, que foi um tema muito relevante e vem de Conferências Episcopais anteriores», declarou o cardeal.

«Em um começo, não foi em todos os lugares muito bem interpretado, de forma que houve comunidades eclesiais de base que fracassaram, outras se polarizaram e em outros lugares cresceram com uma fecundidade extraordinária», acrescentou.

«Que são uma bênção, claro que são», sublinhou.

«Vamos fazer no CELAM um grande congresso para poder recolher as melhores experiências que existem de comunidades eclesiais de base, de forma que isso se possa difundir em toda a América Latina, para o bem dessas comunidades», anunciou.

«Eu penso que essa é a ação importante que se deve fazer», reconheceu. «A solução está em um grande congresso, em um grande diálogo de comunhão fraterna, onde se buscam os melhores caminhos e se recolhem as melhores experiências das comunidades eclesiais de base.»