Após protestos, é anulada visita do Papa à Universidade «La Sapienza»

De qualquer forma, ele enviará o discurso que havia preparado

| 1759 visitas

CIDADE DO VATICANO, terça-feira, 15 de janeiro de 2008 (ZENIT.org).- Bento XVI não realizará sua visita programada para 17 de janeiro à Universidade pública de Roma «La Sapienza», por causa dos protestos de professores e estudantes, que, entre outras coisas, ocuparam a reitoria.

Um comunicado da Sala de Informação da Santa Sé explicava na tarde desta terça-feira que «se considerou oportuno adiar o acontecimento», que havia ocorrido «por convite do Reitor Magnífico».

De qualquer forma, declara a nota vaticana, «o Santo Padre enviará o discurso que havia preparado».

O professor Renato Guarini, reitor desta universidade que conta com o maior número de alunos da Europa, esperava o Papa teólogo e professor, «mensageiro da paz», como ele disse, para viver «um momento de alta cultura» e de «intercâmbio fecundo de idéias para toda a comunidade universitária».