Arcebispo convida à reconciliação interior

Apelo do apóstolo Paulo para construir uma civilização do amor

| 1227 visitas

BELO HORIZONTE, domingo, 7 de junho de 2009 (ZENIT.org).- O “apelo-convocação” do apóstolo Paulo, “reconciliai-vos”, continua contemporâneo e aponta para o “compromisso de efetivação de uma civilização do amor”, afirma o arcebispo de Belo Horizonte.

Este objetivo é impossível de se atingir “quando se risca Deus da pauta dos seus processos”, assinala Dom Walmor Oliveira de Azevedo, em artigo enviado a Zenit na sexta-feira.

Segundo o arcebispo, o apóstolo Paulo lembra que é Deus quem reconcilia. “Reconciliai-vos com Deus é uma insistência que focaliza o ponto de partida e de chegada de todo processo fecundo que envolve esta premissa maior. Mas, sublinha também a tarefa de cada um, constituído como embaixadores, em nome de Deus, desta reconciliação”.

“Um projeto que é mais abrangente do que apenas a conquista de dinâmicas que corrigem pontualmente os funcionamentos da sociedade - com intervenções nos seus mecanismos nefastos e geradores destes terríveis cenários de devastação, exclusão e disputas ferinas que vão caracterizando a vida planetária.”

Esta reconciliação “tem um endereço primeiro na interioridade de cada pessoa” –explica Dom Walmor. “Essa é uma condição primeira. E nessa hora tão grave de sua história, a humanidade reclama pela conquista dessa grande reconciliação”.

“Não existe, senão na interioridade, a fonte inesgotável para uma demonstração eloquente da solidariedade, do respeito e do amor para com toda a família humana. O coração humano é o lugar do amor que tem força de penetrar e fermentar todas as relações sociais.”

Este amor –prossegue o arcebispo– “pode ser entendido como caridade social ou  política. Importa ser estendido a todo o gênero humano. Sua fonte é o coração e a inteligência, e não pode ser assoreada”. 

“É incontestável que o egoísmo é o mais deletério inimigo da sociedade. A vida social e o exercício da política não podem ser pensados apenas nos seus mecanismos de funcionamento. O amor há de ser sua fonte referência. Deus é amor. É muito atual o apelo: Reconciliai-vos com Deus”, convida Dom Walmor.