As doze promessas do Sagrado Coração de Jesus

Se o Coração de Jesus é manso e humilde, o nosso também deve ser

Curitiba, (Zenit.org) Pe. Reginaldo Manzotti | 2737 visitas

Estamos no mês dedicado ao Sagrado Coração de Jesus. Tenho enfatizado que, toda devoção não pode ser estéril, não deve ser reduzida a ritualismo apenas. Mas deve conduzir os fieis a um discipulado amoroso com Deus. Logo, se queremos ser discípulos missionários de Jesus, devemos procurar ter um coração semelhante ao Dele. Pio XII salienta que é o próprio Jesus quem toma a iniciativa de nos apresentar ao Seu Coração como fonte de restauração e paz ao afirmar: “Vinde a mim todos vós que estais cansados e oprimidos, e eu os aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para o vosso espírito. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve” (Mt 11, 28-30).

Então, se o Coração de Jesus é manso e humilde, o nosso também deve ser. Busquemos viver como Ele, amando como Ele, pautando nossa vida nos Seus valores, ensinados no Evangelho. No coração de Jesus não cabe amargura. No coração de Jesus não cabe ódio. No coração de Jesus não cabem mágoas, intrigas, discórdias e desavenças.

Na Última Ceia João, o discípulo amado, fez a experiência do Sagrado Coração de Jesus ao reclinar-se sobre o peito do Senhor. Mais tarde o próprio João, diante da cruz, apresenta o Coração de Jesus transpassado pela lança do soldado do qual jorrou Sangue e Água (Jo 19, 34-37). Ali se cumpre a profecia de Zacarias: “Olharão para aquele que transpassaram” (Zc 12, 19) e começa a devoção ao Sagrado Coração de Jesus.

Porém, esse Coração foi esquecido pelos homens, até que no ano de 1675, durante a oitava da Festa de Corpus Christi, Jesus faz para Margarida Maria Alacoque, a chamada Grande Revelação:

“Eis o Coração que tanto amou os homens, que nada poupou, até se esgotar e se consumir para lhes testemunhar seu amor. Como reconhecimento, não recebo da maior parte deles senão ingratidões, pelas suas irreverências, sacrilégios, e pela tibieza e desprezo que têm para comigo na Eucaristia. Entretanto, o que Me é mais sensível é que há corações consagrados que agem assim. Por isto te peço que a primeira sexta-feira após a oitava do Santíssimo Sacramento seja dedicada a uma festa particular para honrar Meu Coração, comungando neste dia, e O reparando pelos insultos que recebeu durante o tempo em que foi exposto sobre os altares. Prometo-te que Meu Coração se dilatará para derramar os influxos de Seu amor divino sobre aqueles que Lhe prestarem esta honra”.

De suas aparições também se ressaltam as doze promessas do Sagrado Coração de Jesus:

1ª - “A minha bênção permanecerá sobre as casas em que se achar exposta e venerada a imagem de meu Sagrado Coração”.

2ª - “Eu darei aos devotos do meu Coração todas as graças necessárias a seu estado”.

3ª - “Estabelecerei e conservarei a paz em suas famílias”.

4ª - “Eu os consolarei em todas as suas aflições”.

5ª - “Serei seu refúgio seguro na vida, e principalmente na hora da morte”.

6ª “Lançarei bênçãos abundantes sobre todos os seus trabalhos e empreendimentos”.

7ª - “Os pecadores encontrarão em meu Coração fonte inesgotável de misericórdias”.

8ª “As almas tíbias se tornarão fervorosas pela prática dessa devoção”.

9ª - “As almas fervorosas subirão em pouco tempo a uma alta perfeição”.

10ª - “Darei aos sacerdotes que praticarem especialmente essa devoção o poder de tocar os corações mais empedernidos”.

11ª “As pessoas que propagarem esta devoção terão os seus nomes inscritos para sempre no meu Coração”.

12ª - “A todos os que comungarem nas primeiras sextas-feiras de nove meses consecutivos, darei a graça da perseverança final e da salvação eterna”.

Coloquemos nossas esperanças e confianças no Sagrado Coração de Jesus que é fonte de misericórdia. Jesus Manso e humilde de Coração, fazei o nosso coração semelhante ao Vosso!

Padre Reginaldo Manzotti é coordenador da Associação Evangelizar é Preciso – obra que objetiva a evangelização pelos meios de comunicação – e pároco reitor do Santuário Nossa Senhora de Guadalupe, em Curitiba (PR). Apresenta diariamente programas de rádio e TV que são retransmitidos e exibidos por milhares de emissoras do país e exterior. Site: www.padrereginaldomanzotti.org.br.