Assaltantes matam professora de religião e ferem padre no Rio de Janeiro

| 1213 visitas

RIO DE JANEIRO, segunda-feira, 3 de dezembro de 2007 (ZENIT.org).- A professora de religião Vitória Lúcia Marques, de 55 anos, e o padre Frank Luis Franciscatto, 41 anos, foram baleados por assaltantes que roubavam carros em uma falsa blitz no bairro de Botafogo, Rio de Janeiro, na noite desse domingo.

Segundo informações do Jornal «O Globo», os bandidos estavam armados com fuzis e com coletes à prova de bala. Eles roubaram carros no bairro de Copacabana e depois seguiram para Botafogo.

O padre e a professora voltavam de uma missa quando foram abordados. As vítimas não conseguiram sair do carro, que acabou sendo alvejado pelos criminosos. Os bandidos conseguiram escapar.

Vitória Marques não resistiu aos ferimentos provocados por dois tiros que a atingiram e faleceu às 23h15, no Hospital municipal Miguel Couto. O padre Franciscatto, baleado no braço esquerdo, sofreu cirurgia e passa bem.

O sacerdote nasceu em Palmeira das Missões, no Rio Grande do Sul, e foi ordenado em outubro de 1992. Ele estava no Rio de Janeiro há poucos meses, com o objetivo de estudar psicologia.

O delegado Eduardo Batista, titular da 10ª DP (Botafogo), responsável pela investigação, afirmou que a polícia já tem algumas informações sobre as pessoas que praticaram o crime.