Bento XVI apresenta Coração de Jesus como escola do amor

| 357 visitas

CIDADE DO VATICANO, terça-feira, 5 de junho de 2007 (ZENIT.org) .- Bento XVI se uniu com uma mensagem ao congresso internacional «Cor Iesu, Fons Vitae» («Coração de Jesus, fonte de vida») que de 1º a 3 de junho aprofundou no centro cristianismo: o amor de Cristo.



O encontro, que deu início ao mês tradicionalmente dedicado ao Coração de Jesus, culminou com uma eucaristia de encerramento e a consagração das famílias ao Sagrado Coração, celebradas no Tibidabo.

Em uma mensagem, lida pelo arcebispo Manuel Monteiro de Castro, núncio apostólico na Espanha, o Papa recorda o 150º aniversário da instituição da festa do Sagrado Coração de Jesus, que este ano acontecerá em 15 de junho.

O Papa alentou os participantes do congresso «a realizar, em cada momento, a tarefa sempre atual de acolher o dom do amor de Cristo reafirmando o propósito de viver unidos a seu Coração em pensamentos, ações, afetos e palavras».

Deste modo, acrescenta, podem «deixar-se transformar por Ele e ser assim testemunhas e impulsionadores de seu reino de Amor».

O Santo Padre exorta todos, «com paternais entranhas, a considerar a resposta que o Senhor deseja ardentemente de cada um para aceitar seu amor antepondo-o a todas as coisas ,e a corresponder-lhe no compromisso de comunicá-lo aos outros».

Deste modo, conclui aprende-se «a amar os irmãos com seu próprio amor, reconhecendo qualquer ferida, física ou moral, infligida à dignidade do ser humano».