Bento XVI espera desfrutar da beleza em Bressanone

Primeiros momentos ao chegar à localidade em que Joseph Ratzinger descansava

| 899 visitas

CIDADE DO VATICANO, segunda-feira, 28 de julho de 2008 (ZENIT.org).- Bento XVI chegou esta segunda-feira a Bressanone, localidade tirolesa italiana onde passará suas férias de verão até o próximo dia 11 de agosto.

O Papa foi acolhido no aeroporto de Bolzano, às 11h30, pelo bispo de Bolzano-Bressanone, Dom Wilhelm Emil Egger, que lhe deu as boas-vindas, acompanhado das autoridades locais, segundo confirmou “Rádio Vaticano”.

Em seguida, o pontífice dirigiu-se ao seminário de Bressanone, onde se hospedará nos próximos dias e onde já havia passado as férias em dez ocasiões (entre 1970 e 2004) antes de ser Papa. Sua família materna é originária de Rio di Pusteria (Mühlbach), a poucos quilômetros da localidade.

O Santo Padre foi acolhido na pequena cidade pelo repicar dos sinos da catedral, pelo canto das crianças em alemão, língua falada pela maioria da população, e pelas salvas de um regimento de quarenta Schützen, que hoje já não têm funções militares, mas que conservam os valores cristãos e as tradições tirolesas.

O Papa apareceu no primeiro andar do seminário para saudar os presentes. “Queridos amigos –disse–, agradeço por esta acolhida em Bressanone. Nesta cidade, passei muitas estupendas férias. Espero que todos juntos possamos, nestes dias, descansar e desfrutar sobretudo da beleza da cidade e da beleza da criação”.

Bento XVI estará acompanhado nestes dias de seu irmão mais velho, monseñor Georg, sacerdote e músico, que foi diretor do Coro dos Pequenos Cantores da Catedral de Ratisbona.

Um comunicado da Sala de Imprensa da Santa Sé desta segunda-feira explica que “nos domingos 3 e 10 de agosto, Bento XVI presidirá à oração do Ângelus ao meio-dia, na Praça da Catedral de Brassanone”.

“As audiências gerais voltarão a acontecer regularmente a partir da quarta-feira, 13 de agosto”, acrescenta o comunicado.

“Durante os domingos e as solenidades a partir de 15 de agosto, a oração do Ângelus terá lugar no Palácio Apostólico de Castel Gandolfo”, conclui.