Bento XVI presta homenagem às mulheres católicas

A União Mundial de Organizações Femininas Católicas comemora 100 anos

| 1141 visitas

JERUSALÉM, segunda-feira, 11 de outubro de 2010 (ZENIT.org) - Bento XVI prestou homenagem ao testemunho das mulheres católicas, em uma mensagem enviada à União Mundial de Organizações Femininas Católicas (UMOFC), que neste ano realiza a assembleia do seu centenário, em Jerusalém.    

O Papa se fez presente no encontro enviando uma carta, por meio do cardeal Tarcisio Bertone, secretário de Estado, dirigida à presidente da instituição, Karen Hurley, e aos seus membros.

Sua Santidade "agradece pelas numerosas bênçãos que se derramaram sobre a Igreja por meio do testemunho de fidelidade de mulheres católicas que vivem e trabalham no mundo, transformando-o em seu interior e proclamando o Evangelho com a palavra e com os atos".

O Santo Padre reconhece que, nestes 100 anos de história, "os membros da UMOFC contribuíram para a missão da Igreja no âmbito local, nacional e internacional, enriquecendo a Igreja com frutos de santidade feminina".

Bento XVI invoca "os dons do Espírito Santo sobre a UMOFC, para que continue promovendo a contribuição única das mulheres à vida e à missão da Igreja, tanto na esfera pública como no lar".

A assembleia do centenário da UMOFC começou no dia 5 e termina hoje, dia 11, no Instituto Pontifício Notre Dame de Jerusalém, com o tema "Vós sereis minhas testemunhas" (Atos 1, 8).

O objetivo da UMOFC é promover a presença, participação e corresponsabilidade das mulheres católicas na Igreja e na sociedade, para facilitar-lhes o cumprimento da sua missão de fé, para trabalhar pelo desenvolvimento humano e pela paz no mundo.

Esta união mundial está integrada por cerca de 100 organizações de mulheres católicas, que representam mais de 5 milhões de mulheres que trabalham em mais de 60 países e que foram reconhecidas por suas respectivas conferências episcopais.

O Conselho Pontifício para os Leigos erigiu a UMOFC como associação pública internacional de fiéis.

Mais informação em: www.wucwo.org