Bispos do Brasil carregam símbolos da JMJ Rio2013

A Jornada Mundial da Juventude voltou a ser assunto no último dia da 51ª Assembleia Geral da CNBB

Brasília, (Zenit.org) | 454 visitas

A Jornada Mundial da Juventude voltou a ser assunto no último dia da 51ª Assembleia Geral da CNBB, nesta sexta-feira, dia 19, em Aparecida/SP. Os bispos do Brasil receberam os símbolos da JMJ na chegada da Cruz Peregrina e do ícone de Nossa Senhora ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do país e uma das patronas da JMJ Rio2013.

A acolhida aconteceu na Missa que iniciara as atividades da reunião e contou com grande participação de jovens da cidade e romeiros que visitavam o Santuário. Durante a homilia, o presidente da CNBB e Arcebispo de Aparecida, Cardeal Dom Raymundo Damasceno, destacou a presença dos símbolos nesta que é a última diocese antes de serem repassados ao estado do Rio de Janeiro. No estado fluminense, a primeira diocese a receber será Volta Redonda, no próximo domingo, 21.

Após a celebração e oração das laudes, os jovens carregaram os símbolos com a ajuda de sacerdotes e bispos que acompanhavam a pequena procissão rumo ao Centro de Eventos Pe. Vitor Coelho de Almeida, local que acolheu a Assembleia Geral. Pouco antes da entrada do Centro de Eventos, a Cruz foi assumida pelos bispos que a carregaram em seus ombros. Os símbolos permaneceram com o episcopado brasileiro até o final da Assembleia.

Na coletiva de imprensa, o presidente da CNBB, cardeal Dom Raymundo Damasceno lembrou a Jornada como um dos pontos de destaque na pauta de reuniões dos bispos, com a apresentação mais detalhada sobre a JMJ Rio2013, pelo arcebispo do Rio de Janeiro e presidente do Comitê Organizador Local (COL), Dom Orani João Tempesta, e do secretario executivo, Monsenhor Joel Portella Amado, que aconteceu na quarta-feira.

Na oportunidade, os jornalistas ainda questionaram a presidência da CNBB sobre a agenda do Papa Francisco no Brasil e no Rio de Janeiro. Porém, o cardeal explicou que, apesar de existir a vontade de acolher o Papa em Aparecida, como sugeriu o jornalista, toda a agenda papal depende, além da vontade do Sumo Pontífice, do parecer dos seus assessores que estarão no Brasil no final de abril. Afirmou também que, a partir dessa visita oficial, também espera nas próximas semanas uma maior definição da agenda do Papa.

A noticia citada foi publicada dia 19 de abril no site oficial da JMJ Rio 2013.