Brasil: Para arcebispo, governo tem dificuldades com reforma agrária e desemprego

| 349 visitas

KÖNIGSTEIN (Alemanha), terça-feira, 28 de setembro de 2004 (ZENIT.org).- Segundo o arcebispo de Feira de Santana (Estado da Bahia, Brasil), dom frei Itamar Navildo Vian, OFM Cap, há dificuldades do governo brasileiro em cumprir promessas de campanha como a reforma agrária e a redução do desemprego no país.



Em sua recente visita à sede internacional da associação católica Ajuda à Igreja que Sofre, o arcebispo afirmou que no dia 1º de janeiro de 2003, quando o presidente Luis Inácio Lula da Silva assumiu o cargo, «as expectativas eram grandes» entre os brasileiros, segundo informa um comunicado da obra de direito pontifício.

«Não obstante, rapidamente ficou muito claro que não é fácil cumprir promessas como a reforma agrária ou a redução do desemprego», explicou o prelado.

Segundo o arcebispo, «o trabalho administrativo se complica pelo fato de ter sido um amplo espectro político o que fez possível a eleição de Lula. Agora muitos grupos querem sua parte no poder».