Brasil: Semana da Família lembra Ano Catequético

| 1837 visitas

BRASÍLIA, sexta-feira, 17 de julho de 2009 (ZENIT.org).- “Quando uma família transmite a religião aos filhos, está cumprindo sua missão de Igreja doméstica”. Com estas palavras, o arcebispo de Londrina e presidente da Comissão Episcopal para a Vida e da Família da CNBB, Dom Orlando Brandes, apresenta a cartilha Hora da Família, edição 2009; informa a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).

A cartilha, principal instrumento de animação da Semana Nacional da Família, reflete o tema “Família, Igreja doméstica, caminho para o discipulado”, em estreita comunhão com o Ano Catequético aberto em abril pela Igreja do Brasil.   

Criada em 1992, a Semana Nacional da Família é celebrada anualmente no mês de agosto por todas as paróquias do país a partir do segundo domingo de agosto, dia dos pais. “Neste Ano Catequético, queremos aprofundar a relação entre família e catequese. Os pais são os primeiros catequistas. Os filhos aprendem imitando”, explica Dom Orlando.

Com uma tiragem de quase 200 mil exemplares, a 13ª edição da cartilha Hora da Família traz oito temas para serem debatidos pelos grupos de famílias durante a Semana Nacional. Há, ainda, sugestões de celebrações para diversas ocasiões referentes à família como dia das mães, dos pais, dos avós, do catequista, do nascituro, da Sagrada Família.

“Com a Semana Nacional, a Igreja quer, uma vez mais, salientar a importância da família, que, talvez mais que outras instituições, tem sido posta em questão pelas amplas, profundas e rápidas transformações da sociedade e da cultura”, esclarece o assessor da Comissão para a Vida e Família da CNBB, padre Luiz Antônio Bento.

“O contexto atual exige da nossa ação evangelizadora um profundo ardor missionário para ajudar as famílias a não perderem de vista a sua missão primordial de ser a primeira escola das virtudes sociais de que as sociedades têm necessidade”, conclui o assessor.