Cardeal Erdö, reeleito para presidir bispos europeus

Termina plenária do Conselho das Conferências Episcopais da Europa

| 873 visitas

TIRANA, quarta-feira, 5 de outubro de 2011 (ZENIT.org) – O cardeal Péter Erdö, arcebispo de Esztergom-Budapeste, foi eleito para um segundo mandato como presidente do Conselho das Conferências Episcopais da Europa (CCEE).

A CCEE terminou, no último domingo, sua Assembleia Plenária, durante a qual se realizou a eleição.

O cardeal Angelo Bagnasco, arcebispo de Gênova, e Dom Józef Michalik, arcebispo de Przemyśl (Polônia), foram eleitos vice-presidentes.

A Assembleia Plenária do CCEE também acedeu à petição de Dom Milan Šašik, bispo epárquico de Mukachevo do rito bizantino dos Rutênios, de fazer parte, como membro, do CCEE, de acordo com a fórmula proposta pela Congregação para as Igrejas Orientais.

O CCEE está composto, portanto, pelos presidentes das 33 conferências episcopais da Europa e pelos bispos de Luxemburgo, do Principado de Mônaco, de Chipre dos Maronitas, pelo bispo de Chişinău (Moldávia) e pelo bispo epárquico de Mukachevo.

Participam, além disso, o presidente da Conferência Episcopal do Cazaquistão e o Patriarca de Jerusalém dos Latinos, que desfrutam do status de convidados permanentes.

A eparquia de Mukachevo (o Mukačeve) pertence à Igreja Sui Iuris Rutena. Com a União de Uhorod (1646), a Igreja Rutena se uniu à Igreja Católica. A eparquia de Mukachevo está sujeita à Santa Sé.