Cardeal Kasper vê possibilidade de encontro entre Papa e Patriarca Ortodoxo de Moscou

Para o próximo ano

| 1171 visitas

CIDADE DO VATICANO, quinta-feira, 14 de junho de 2007 (ZENIT.org).- O cardeal Walter Kasper, presidente do Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos, revelou nesta quinta-feira que se está preparando um possível encontro entre Bento XVI e o patriarca de Moscou e de todas as Rússias, Aléxis II.



«Existe a esperança de que possam encontrar-se dentro de um ano», declarou o purpurado alemão à agência do episcopado italiano SIR, no contexto da cerimônia de entrega do doutorado «honoris causa» a Sua Beatitude Crisóstomo II, primado da Igreja ortodoxa de Chipre, por parte da Universidade Pontifícia Urbaniana de Roma.

«Depende muito das circunstâncias externas e das situações internas da Igreja russa. O Papa está disposto e Aléxis II também está aberto. Ninguém se opõe ao encontro entre os ortodoxos.»

O arcebispo Crisóstomo II será recebido em audiência pelo Papa neste sábado.

Em uma entrevista concedida ao semanário italiano «L’Espresso», o representante ortodoxo também confirmou que está promovendo este encontro entre os pastores das duas Igrejas mais numerosas, separadas há quase mil anos.

«Está claro que se trata de um encontro que não se organiza em 24 horas -- declara. Antes é preciso intercambiar delegados, pôr os teólogos para trabalhar. Em definitivo, é necessário preparar o acontecimento para que seja um êxito.».

«Eu estou disposto a oferecer minha contribuição. Farei o possível para que se encontrem. Eles e as Igrejas», acrescenta o arcebispo ortodoxo de Chipre.

O arcebispo mantém boas relações com o Patriarca Aléxis II. «Sou um bom amigo seu -- explica. Creio que posso afirmar que por sua parte tampouco há problemas. Quando se têm boas intenções, os obstáculos são superados.»