Cardeal Ravasi e maestro Muti em diálogo sobre fé e música

Encontro encerra o projeto "Uma porta para o Infinito: o homem e o Absoluto na arte"

| 696 visitas

ROMA, quinta-feira, 31 de maio de 2012 (ZENIT.org) – Na próxima segunda-feira, 4 de junho, às 19h30, a basílica romana de Santa Maria em Ara Coeli recebe o cardeal Gianfranco Ravasi, presidente do Pontifício Conselho para a Cultura, e o maestro Riccardo Muti, que protagonizarão o encontro Em diálogo: fé e música.

O evento, moderado pelo editor do jornal Il Messaggero, Mario Orfeo, completa o ciclo de conferências sobre a relação entre arte e espiritualidade, que teve a participação de personalidades ilustres da cena cultural e religiosa italiana.

Trata-se do projeto Uma porta para o Infinito: o homem e o Absoluto na arte, promovido pelo setor de comunicação do vicariato, em parceria com o Pontifício Conselho para a Cultura. O dicastério já dedicou grande atenção à música ao promover uma série de concertos de música sacra nas paróquias da capital italiana, juntamente com a Ópera de Roma.

"O diálogo entre a fé e a música sempre fez parte da história da cultura ocidental e esteve dentro de outras experiências religiosas. Há uma sonoridade entre fé e música, porque ambas adotam uma linguagem universal que não representa o barulho do mundo, mas a harmonia inefável da realidade. Isso também é tarefa da religião: atingir esse além e esse outro", explica Ravasi.