Comissão preparará festividades do quinto centenário do nascimento de Santa Teresa

Explosão de iniciativas em torno ao evento

| 1850 visitas

ROMA, sexta-feira, 17 de julho de 2009 (ZENIT.org).- Em cumprimento do desejo expressado pelo Capítulo Geral dos Carmelitas Descalços, criou-se a comissão central para a preparação e para a animação do V centenário do nascimento de Santa Teresa de Jesus, que acontecerá em 2015.

A Comissão estará presidida pelo vigário geral da Ordem, Pe. Emilio Martínez. Lhe assiste como secretário Alfredo Amesti, da província de Navarra, segundo informa a página web da Ordem. 

O comitê diretivo se encarregará de coordenar as atividades de cada uma das quatro áreas. Se relacionará com as diferentes áreas através do secretário das mesmas.

A área de animação comunitária preparará os subsídios introdutórios para cada um dos livros da Santa. Igualmente preparará dinâmicas e celebrações que ajudem à leitura individual, comunitária e extra-comunitária das Obras teresianas. Recolherá a bibliografia para enviar às comunidades. A área de animação pastoral organizará as atividades de pastoral em torno ao centenário, prestando particular atenção às atividades com os jovens. Terá em conta a celebração da jornada mundial da juventude (JMJ) de Madri em 2011. 

Tarefa da área de animação cultural será a organização de seminários e congressos, como também outras atividades científicas em colaboração com o Teresianum de Roma, com o Centro Internacional Teresiano Sanjuanista (CITeS) de Ávila, e outros institutos da Ordem. 

Projeta-se fundar uma nova revista internacional de Espiritualidade com sede no CITeS de Ávila. A área de animação local programará a acolhida em Ávila das atividades organizadas pelo resto das áreas. 

O presidente e o secretário se reunirão em Madri em 3 de agosto próximo com o seguinte comitê inicial: presidente da Conferência dos Provinciais da Conferência Ibérica, prior de Ávila e representante do CITeS. 

Teresa de Cepeda e Ahumada (Ávila, 28 de março de 1515 – Alba de Tormes, 4 de outubro de 1582), doutora da Igreja mística e escritora, é a fundadora das carmelitas descalças, ramo da Ordem de Nossa Senhora do Monte Carmelo (ou carmelitas).