Comunidade ecumênica de Taizé na JMJ Rio 2013

Irmão Alois estará no Rio de 22 a 28 de Julho

Roma, (Zenit.org) | 694 visitas

A Comunidade ecumênica de Taizé nasceu em Borgonha, em 17 de abril de 1949, fundada pelo teólogo reformado Roger Schutz. Os inícios da comunidade, contudo, se remontam aos dias da Segunda Guerra Mundial.A Comunidadeé conhecida não só por seus objetivos ecumênicos, mas também por suas orações e cânticos, que foram traduzidos a muitos idiomas.

Conforme notícia publicada no site da Comunidade para a pré JMJ,os irmãos vão animar em Curitiba, no contexto do programa da semana missionária, duas vigílias de oração, terça-feira 16 e quarta-feira 17 de Julho, às 20h, na paróquia Maria Mãe da Igreja;sexta-feira 19 de Julho os irmãos estarão na Cachoeira Paulista para uma vigília de oração com a Comunidade Canção Nova, às 21h;dia 22, já no Rio, os irmãos vão animar uma vigília inserida no programa jesuíta MAGIS.

A notícia destaca que o irmão Alois, prior da Comunidade de Taizé, estará no Rio de 22 a 28 de julho. Ainda no Rio de Janeiro os irmãos vão animar uma oração ecumênica na quarta-feira (24) às 15h na Catedral Anglicana -Catedral do Redentor-.Depois, uma vigília às 20h na paróquia Nossa Senhora da Paz, em Ipanema.

A convite da Conferência Episcopal dos Estados Unidos, na quinta-feira 25 os irmãos participarão da oração no «Vivo Rio», com os peregrinos de língua inglesa.

Todos são convidados a participar nestas orações com cantos de Taizé. Nos intervalos entre as orações haverá tempos de silêncio e um acolhimento. Os irmãos estarão disponíveis para escutar os jovens que assim o desejarem.

A busca da unidade era, para o fundador de Taizé, «como um fio condutor, que marcava até as decisões mais concretas de cada dia: acolher alegremente qualquer ação que pudesse aproximar cristãos de diferentes tradições, evitar qualquer palavra ou gesto que pudessem atrasar a reconciliação» - recordou o cardeal Kasper em uma entrevista concedida ao jornal vaticano L’Osservatore Romano, em 2008.

A Comunidade de Taizé também participará com todos os peregrinos na vigília de sábado à noite em Guaratiba e na Eucaristia final da JMJ Rio 2013.

(MEM)