Comunidades africanas peregrinam a Fátima

Cinco mil romeiros são esperados neste sábado no santuário

| 960 visitas

FÁTIMA, quinta-feira, 5 de agosto de 2010 (ZENIT.org) – O Santuário de Fátima espera receber cinco mil romeiros neste sábado, dia 7, na peregrinação das comunidades africanas, organizada pela capelania dos africanos do Patriarcado de Lisboa.

No programa destaca-se a celebração da Eucaristia, às 12h30, na igreja da Santíssima Trindade, concelebrada por D. José Camnate, bispo de Bissau, e D. Pedro Zili, bispo de Bafata, dioceses da Guiné-Bissau.

O padre Dex-Steve Goyeko, que coordena a equipe organizadora, em declarações à Sala de Imprensa do Santuário, disse que a peregrinação se “integra numa dinâmica de acompanhamento espiritual dos imigrantes africanos”.

“A Capelania dos africanos tem como objetivo a formação e integração religiosa dos cristãos africanos nas comunidades locais e diocesanas, assim como a promoção de encontros com cada cultura em que a fé católica se possa dizer e viver”, afirmou.

A peregrinação deste ano tem como lema e propósito “Santa Maria Mãe de Deus, rogai pelo continente Africano!”.

“Assim, queremos que esta Peregrinação seja uma Ação de Graças Deus com Maria, para este ano pastoral. Este ano lembramos de modo particular a vida política do continente africano para que, com a intercessão da Nossa Senhora de Fátima, haja uma política de paz e união neste continente”, afirmou o padre Dex-Steve Goyeko.