Condolências de Bento XVI pela morte do patriarca da Igreja Ortodoxa da Etiópia

S.S. Abuna Paulos faleceu ontem, em Addis Abeba, na idade de 76 anos

| 1075 visitas

CIDADE  DO VATICANO, sexta-feira, 17 de agosto de 2012 (ZENIT.org) - Ao ouvir a notícia da morte de Sua Santidade Abuna Paulos, Patriarca da Igreja Ortodoxa Tewahedo Ortodoxa da Etiópia, o Santo Padre Bento XVI expressou ao Santo Sínodo suas condolências em um telegrama.

Grande promotor do diálogo ecumênico, o Patriarca faleceu ontem, quinta-feira, 16 de agostoem Addis Abeba, na idade de 76 anos.

Apresentamos a seguir o texto do telegrama do Santo Padre.

Tendo recebido com tristeza a noticia morte de Sua Santidade Abuna Paulos, Patriarca da Igreja Ortodoxa Tewahedo da Etiópia, desejo expressar minhas sinceras condolências aos membros do Santo Sínodo, ao clero, aos religiosos e fiéis do Patriarcado.

Ainda me lembro com satisfação suas visitas ao Vaticano, e em particular o discurso por ele proferido na Segunda Assembléia Especial para a África do Sínodo dos Bispos em 06 de outubro de 2009 e as importantes observações feitas naquela ocasião.

Sou-lhe também grato pelo seu firme compromisso de promover uma maior unidade através do diálogo e da cooperação entre a Igreja Etíope Ortodoxa Tewahedo e a Igreja Católica.

Como o Patriarcado lamenta a morte de Sua Santidade, de bom grado lhe asseguro minhas orações pelo repouso de sua alma, e por todos os que lamentam a sua perda.

(Trad.:MEM)