Conselho Pontifício para a Unidade dos Cristãos comemora 50 anos

Com um ato ecumênico no dia 17 de novembro

| 888 visitas

CIDADE DO VATICANO, segunda-feira, 15 de novembro de 2010 (ZENIT.org) - O Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos comemorará seu 50º aniversário com um ato ecumênico, no próximo dia 17 de novembro, às 17h, na Sala São Pio X de Roma.

O evento será presidido pelo presidente do Conselho, Dom Kurt Koch, e contará com a intervenção do presidente emérito do Conselho, cardeal Walter Kasper, de Rowam Williams, arcebispo anglicano da Cantuária, e do ortodoxo metropolitano de Pérgano, Ioannis (Zizioulas), do patriarcado ecumênico de Constantinopla.

Assim se comemorará o 50º aniversário da instituição do antigo Secretariado para a Promoção da Unidade dos Cristãos, que mais tarde passou a chamar-se Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos, segundo explica um comunicado da Sala de Imprensa da Santa Sé publicado na semana passada.

"Este olhar ao passado, dirigido ao momento da instituição e ao caminho realizado até hoje, oferecerá não somente a oportunidade de expressar a gratidão a Deus pelos que contribuíram para o progresso do ecumenismo e pelos abundantes frutos que foram recolhidos - indica o texto. Também permitirá suscitar um renovado interesse pela causa da unidade e reiterar a firme vontade de prosseguir o caminho rumo à plena comunhão de todos os cristãos, enfrentando com confiança os desafios, também novos, que se apresentam."

A história do dicastério para o ecumenismo se remonta a 5 de junho de 1960, dia de Pentecostes, quando o Beato João XXIII instituiu o Secretariado para a Promoção da Unidade dos Cristãos, junto às 11 comissões que preparariam o Concílio, com o "motu proprio" Superno Dei Nutu.

O primeiro presidente do secretariado foi o cardeal Agostino Bea, que foi sucedido pelos cardeais Johann Willebrands, Edward Idris Cassidy, Walter Kasper e, em 1º de julhio de 2010, pelo arcebispo Koch.

Em 1998, João Paulo II mudou o nome do secretariado pelo de Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos, com a constituição apostólica Pastor Bonus.

"Através dos anos - indica o comunicado -, o Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos se ocupou das relações com o vasto mundo ecumênico, tanto no âmbito multilateral como por meio de contatos e diálogos bilaterais com muitas igrejas e comunidades cristãs."

A data do ato comemorativo - 17 de novembro - coincide com a sessão plenária do Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade dos Cristãos, que será realizada de 15 a 19 de novembro, com o tema "Rumo a uma nova etapa do diálogo ecumênico".