Custos justos e equitativos para as causas de canonização

Iniciativa da Congregação para as Causas dos Santos para que não haja desproporção entre as várias causas. Alguns começaram a enviar ofertas para as causas pobres

Roma, (Zenit.org) Redacao | 421 visitas

Entrou em vigor uma «lista de preços de referência», com a qual os postuladores e autores das causas de canonização se devem conformar. Trata-se de uma novidade inspirada por um sentido de sobriedade e igualdade, para que não haja «desproporção entre as várias causas».

Anunciou-o o cardeal Angelo Amato, prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, durante o pronunciamento de abertura do 30° curso do Studium do dicastério, ontem, na Pontifícia Universidade Urbaniana. Conforme publicado pelo L'Osservatore Romano, a lista de preços “é uma novidade que chega no final de um trabalho de colaboração entre a Congregação e os vários postuladores, que nestes meses responderam positivamente à solicitação da Santa Sé de apresentar a conta das suas despesas”.

“É conveniente que os postuladores conheçam as despesas que devem enfrentar, relativas quer às taxas da Santa Sé quer aos seus honorários”, afirmou o cardeal, informando que “alguns começaram também a enviar ofertas para as causas pobres”. Eis o encorajamento a honrar o convite "feito pelo nosso regulamento", a fim de que a Congregação "possa oferecer uma ajuda a eventuais pedidos por parte de causas merecedoras de tal subsídio".

(MEM)