Desmentida candidatura presidencial do cardeal da Bolívia

«A missão da Igreja não tem a ver com nenhum projeto político partidário»

| 1350 visitas

LA PAZ, sexta-feira, 30 de janeiro de 2009 (ZENIT.org).- A Sala de Imprensa da Conferência Episcopal Boliviana (CEB) desmentiu a notícia dos meios informativos, segundo os quais existe a possibilidade de uma candidatura do cardeal Julio Terrazas à presidência da República.

«Em nome da CEB, negamos tal informação, ao considerá-la altamente especulativa e insidiosa; colocamos em dúvida a veracidade das fontes e lamentamos que alguns meios de comunicação difundam estas notas sem a verificação suficiente», explica um comunicado enviado nesta sexta-feira à Zenit pela Sala de Imprensa da Conferência Episcopal. 

«A pessoa do cardeal não se presta a um jogo de informações tão irresponsável que não coincide com suas importantes responsabilidades pastorais.»

«A missão da Igreja não tem a ver com nenhum projeto político partidário. A Igreja Católica e seus representantes sustentam o projeto do Reino de Deus e sua missão consiste em iluminar e orientar os projetos humanos a partir dos princípios e valores do Evangelho e da Doutrina Social da Igreja», afirma a Conferência Episcopal. 

«Reiteramos nosso pedido de respeito à pessoa e funções do cardeal, como primeira autoridade da Igreja Católica na Bolívia, já que este tipo de manipulações políticas ofende também a comunidade católica em seu conjunto.»