Dia internacional da Juventude movimenta os jovens do Cone Sul

Comissão para juventude CNBB organiza o Gesto Comum

| 1116 visitas

BRASÍLIA, sexta-feira, 20 de julho de 2012(ZENIT.org) - O Dia Internacional da Juventude constituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) movimentará os jovens do Cone Sul.

A Comissão para juventude CNBB convida a todos os jovens dos países do Cone Sul (Argentina, Brasil, Chile, Paraguai e Uruguai) a fazer um Gesto Comum em favor da vida da juventude, de 5 a 12 de agosto - Dia Internacional da Juventude- . A iniciativa é das pastorais juvenis dos cinco países e acontece desde1997 acada dois anos. 

O Dia Internacional da Juventude – 12 de agosto - foi decretado em 1999 pela ONU fruto da Conferência Mundial dos Ministros Responsáveis pelos Jovens em Lisboa.

“Muitos dos mais de um bilhão de jovens do mundo não têm a educação, a liberdade e as oportunidades que merecem, afirma a mensagem do Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, na comemoração do Dia Internacional da Juventude 2010-2011. “No entanto, apesar dessas limitações – e, em alguns casos, por causa delas – jovens estão se mobilizando em grande número para construir um futuro melhor”.

O Gesto Comum 2012 que comemora o Dia Internacional da Juventude será dividido em três momentos. O primeiro será de 5 a10 de agosto. A sugestão é que cada grupo jovem de cada expressão que trabalha com o mundo juvenil possa realizar seminários, debates, caminhadas, atos públicos, visitas em lugares que a vida do jovem é violentada (como prisões, abrigos para dependentes químicos e alcoólicos, espaços nas ruas onde os jovens vivem). Também são sugeridas celebrações, rodas de conversa com os jovens ou o que mais o grupo considerar interessante para vivenciar e refletir sobre a defesa da vida da juventude.

O segundo momento acontecerá no sábado, 11 de agosto. A proposta é que todos os grupos das diferentes pastorais, novas comunidades, congregações, movimentos e outras organizações realizem, a partir das 19h uma grande celebração pela vida. O momento pode ser uma celebração eucarística ou outra oração, como o ofício divino. 

A conclusão será com um dia de lazer, em que a juventude possa celebrar a vida também a partir do esporte, da cultura e da arte. Podem ser feitos torneios esportivos, gincanas, apresentações culturais, saraus, etc.

Todos os grupos são convidados a compartilhar a vivência do gesto comum nas redes sociais para mostrar a mobilização e o protagonismo juvenil.

A Coordenação Nacional de Pastoral Juvenil, formada por 10 jovens coordenadores de pastorais, novas comunidades, movimentos e congregações que trabalham com juventude, é, desde 2011, o espaço de articulação e construção do Gesto Comum. A coordenação faz parte da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB.

MEM