Diretrizes da evangelização no Brasil focam missão, diz bispo

Texto discutido pelo episcopado em assembléia culmina na missão continental

| 1006 visitas

INDAIATUBA, sexta-feira, 4 de abril de 2008 (ZENIT.org).- Um bispo da Comissão de Redação das novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil explicou essa quinta-feira que as ações pastorais concretas propostas pelo texto têm como foco a missão continental lançada pela Conferência de Aparecida.

Dom Benedito Beni dos Santos, bispo de Lorena (São Paulo), destacou durante coletiva de imprensa na 46ª Assembléia Geral da CNBB que «as Diretrizes estão sendo elaboradas para atender de forma concreta a ação evangelizadora da Igreja no Brasil».

Segundo o bispo, o documento tem cinco capítulos: visão pastoral da realidade brasileira sócio-econômica e política; desafios pastorais; respostas aos desafios; pistas de ação pastoral nas pessoas, comunidades e sociedade; e missão continental.

Nessa linha programática, Dom Beni destacou que «todo o texto desemboca na missão continental da Igreja», segundo refere a Sala de Imprensa da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).

Dom Antônio Celso de Queirós, bispo de Catanduva (São Paulo), enfatizou que as Diretrizes Gerais são um breve documento que tem um plano de ação evangelizadora por quatro anos.

Segundo Dom Celso, nesta época de mudança cultural, é importante que a Igreja se preocupe «com o estado permanente de evangelizar».

Nesse sentido, Dom Beni esclareceu que a Igreja precisa ser missionária, deixando de lado «uma pastoral de manutenção», para ir à busca dos católicos afastados e trazê-los de volta para a vida da Igreja.

Essa quinta-feira, os cerca de 300 bispos em assembléia plenária trabalharam no texto das Diretrizes. O documento, que passa por revisões e emendas, deve ser aprovado até o final da reunião, dia 11.

Já nesta sexta-feira, além dos trabalhos de formatação do texto, iniciou o processo de eleição dos quatro bispos titulares brasileiros (e dois suplentes) que participarão do Sínodo da Palavra, que acontece em outubro, em Roma.