Em busca da Mona Lisa: encontrada importante sepultura

Datação será verificada por exame de carbono-14

| 932 visitas

FLORENÇA, segunda-feira, 17 de setembro de 2012 (ZENIT.org) - "Atrás do altar de São Francisco, que data de finais do século XV, foram achados restos mortais provavelmente de uma mulher. Poderia tratar-se da nobre florentina Maria del Riccio ou Lisa Gherardini, enterrada em 1542 no convento. É possível que, um nível mais abaixo, haja também um segundo esqueleto".

Silvano Vinceti, chefe do Comitê de Bens Históricos, Culturais e Ambientais, comenta a última descoberta do antigo convento de Santa Úrsula, onde o governo da província de Florença está fazendo novas escavações.

"Pelo período histórico de referência e pela localização dos restos mortais, esta é a descoberta mais importante desde o início das escavações, já que pode mesmo remontar à época de Lisa Gherardini, esposa do rico comerciante Francesco del Giocondo".

"O exame de carbono-14 vai nos mostrar a datação do esqueleto, que deve ser da metade do século XVI. Depois faremos um exame histológico para determinar a idade da morte e, finalmente, a análise do DNA para comparar com o de um dos filhos de Lisa Gherardini. Só então saberemos se estamos diante dos restos mortais da Mona Lisa, a primeira modelo usada por Leonardo para criar a Mona Lisa".