Espanha: Vamos procurar viver um momento profundo de conversão à fé e a Cristo!

Cardeal arcebispo Rouco Varela anuncia a Missão Madri

| 611 visitas

MADRI, quinta-feira, 13 de setembro de 2012 (ZENIT.org) - O cardeal arcebispo de Madri, Antonio Maria Rouco Varela, apresentou nesta terça-feira, em coletiva de imprensa, o Plano Pastoral para a Arquidiocese 2012-2013, chamado de Servidores e Testemunhas da Verdade

Varela explicou que o objetivo da Missão Madri, que começa no próximo dia 30 de setembro, “é responder ao apelo de Bento XVI por uma Nova Evangelização, formulada novamente na carta em que ele convoca o Ano da Fé, a começar juntamente com o Sínodo dos Bispos no próximo dia 11 de outubro, em comemoração ao 50º aniversário da sessão inaugural do concílio Vaticano II. Simultaneamente, procuramos responder a necessidades pastorais evidentes, que estão por trás do chamamento do papa à Nova Evangelização. Necessidades que ele coloca principalmente no âmbito das sociedades europeias, muito distanciadas de Deus, esquecidas das próprias raízes cristãs e com muitos problemas, que se transformaram em situação de crise muito generalizada. Esta situação de necessidade e de crise nós também vivemos em Madri”. Diante desta situação, “consideramos que a diocese tinha que responder a esse chamado com uma dupla dose de dinamismo apostólico e de entrega, que se expressam com a palavra Missão”.

A missão tem como origem a JMJ 2011. “Podemos dizer que este plano é resultado e fruto da JMJ, que foi preparada longamente. O estilo, a fórmula, os conteúdos, como a JMJ foi realizada, o exemplo de Bento XVI de como evangelizar os jovens, tudo isso foi decisivo para formular a Missão Madri”.

O objetivo da missão, de acordo com o cardeal, é que toda a Igreja em Madri viva "um momento profundo de conversão à fé e a Cristo". "De corações convertidos é que surge a necessidade de ser testemunhas do que se vive, do que se conhece, e de ser servidores do bem que recebemos. Um serviço para os outros… Nós nos sentimos especialmente chamados a ser testemunhas da verdade do Evangelho para os batizados, que são, provavelmente, a maioria dos madrilenos, mas que estão afastados da vida da Igreja e da graça".

Falando de como a Missão Madri pode ajudar os jovens que enfrentam os problemas da crise, o cardeal explicou que “vamos falar de Cristo com eles. A Missão não vai dizer a eles que as razões para viver estão nas experiências diretas mais conjunturais, temporais e materiais da vida. O que nós queremos dizer a eles é que, se enraizarem a vida, o coração, os projetos de futuro, os estudos e a formação nessa fé e nessa experiência de Cristo, eles vão superar os outros aspectos da crise de um jeito mais profundo, mais duradouro e com mais futuro”. 

Para saber mais (em espanhol): http://www.archimadrid.org.