Eutanásia: "O que acontece na França? Na Itália existe uma boa lei?"

A deputada Udc, Paola Binetti, falou sobre a sentença do Tribunal de Recurso francês que absolveu o médico Bonnemaison da acusação de eutanásia aplicada a sete doentes terminais

Roma, (Zenit.org) Redacao | 436 visitas

"Alguma coisa está acontecendo na França onde, depois de alguns dias, a questão da eutanásia impõe-se mais uma vez à atenção do país de forma tão dramática: primeiro o caso Lambert e agora a sentença sobre o caso Bonnemaison".

Em uma nota a deputada da Udc, Paola Binetti, declara a propósito da sentença do Tribunal de Recurso francês que absolveu o médico Nicolas Bonnemaison da acusação de eutanásia aplicada a sete doentes terminais.

"Na Itália – afirma Binetti - temos uma boa lei sobre os cuidados paliativos, que prevê um acompanhamento do paciente até o fim para mitigar a dor e oferecer-lhe todo o apoio necessário, sem chegar ao encarnecimento terapêutico, mas sem cair também na eutanásia".

A deputada reitera, portanto, a plena disponibilidade “para retomar o debate sobre as Dat”, afirma, expressando “a nossa contrariedade a toda possível forma de eutanásia, ainda que disfarçada”. “Sobre este ponto – afirma – o novo código de deontologia médica deve ser firme e decidido para não ceder a ambiguidades que permitam a algum juiz interpretar a norma de uma forma que contradiga o próprio sentido da profissão médica”. (Trad.T.S.)