Fátima agradece pelo Beato João Paulo II

Peregrinação de maio faz ação de graças pela beatificação do pontífice

| 981 visitas

FÁTIMA, quinta-feira, 12 maio de 2011 (ZENIT.org) - A peregrinação aniversária maio ao Santuário de Fátima – dias 12 e 13 – é uma ação de graças pela beatificação de João Paulo II.

Os bispos convidaram o povo português se unir “em oração agradecida, celebrando a santidade de vida deste Papa, cuja história está muito ligada a Portugal, particularmente a Fátima”, assinalava o comunicado final da última assembleia do episcopado católico do país, segundo recorda Agência Ecclesia.

João Paulo II, beatificado no dia 1º de maio, é lembrado em Portugal pela sua ligação a Fátima, reforçada pela intercessão a Nossa Senhora na recuperação do atentado de 1981 e pela beatificação dos pastorinhos Francisco e Jacinta, em 2000.

A Nota Pastoral da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) sobre a beatificação do Papa polaco, Karol Wojtyla (1920-2005), divulgada em março, sublinhava essa ligação.

“É considerado o Papa de Fátima, que um ano depois do atentado na Praça de São Pedro, em Roma, a 13 de maio de 1981, veio à Cova da Iria agradecer à Rainha da Paz o ter providencialmente sobrevivido”, assinalavam os bispos.

João Paulo II esteve no Santuário de Fátima em 1982, 1991 e, pela última vez, em 2000, altura em que beatificou os videntes Francisco e Jacinta Marto.

Quem preside esta peregrinação de maio, que começou hoje, é o cardeal Sean O’Malley, arcebispo de Boston. Ele vai falar sobre “a importância da mensagem de Fátima para a atualidade”.

Na conferência de imprensa que antecedeu o início da peregrinação, o cardeal O’Malley disse que no mundo de hoje “a fé é um tesouro”.

“Num mundo que nos pede para enfrentar a crise e as doenças da vida, não somos órfãos, temos um pai que cuida dos seus filhos”, afirmou. Ele disse que rezará em Fátima por mais fé para o mundo e uma nova geração de crentes.