França: Le Monde elege o papa Francisco como personalidade do ano de 2013

O jornal observa que, para os crentes o papa representa a alegria de recuperar as origens da mensagem cristã

Roma, (Zenit.org) Redacao | 487 visitas

O jornal francês Le Monde escolheu nesta sexta-feira o Papa Francisco como personalidade do ano de 2013, e escolheu para ilustrar a capa uma das canecas com o seu rosto que se vendem ao redor do Vaticano.

O suplemento semanal do vespertino salientou que neste momento "não é absurdo falar de 'papamania'", e elogiou a mensagem de modernidade que encarna o pontífice argentino.

"Entre os crentes, está sem dúvida a alegria de recuperar as origens da mensagem cristã. (...) Os outros são seduzidos por algo que se parece com a modernidade, pelo menos no discurso", disse Le Monde para explicar a sua decisão.

De acordo com este jornal francês, Francisco, que levou ao Vaticano "um novo estilo", o da simplicidade e da entrega, supõe também "uma espécie de esperança", a de pensar que “é possível que uma instituição se reforme e mude, e que o seu representante encarne essa mensagem".

O Santo Padre se impôs como personagem do ano tanto entre a redação do jornal como entre aqueles que o escolheram por meio da internet, e superou com os seus votos o ex analista da Agência de Segurança Nacional (NSA), Edward Snowden e a ministra galega de Justiça, Christiane Taubira.

O pontífice também foi escolhido Personalidade do Ano no 11 de dezembro pela revista Time, que o chamou “o Papa do Povo”, e destacou os seus esforços por modernizar a Igreja Católica a partir do momento que ele foi eleito, no março passado.

(RED.TS)