Francisco: o tráfico de seres humanos é uma chaga na carne de Cristo

Santo Padre recebe os participantes do encontro internacional sobre o tráfico humano realizado no Vaticano

Roma, (Zenit.org) Rocio Lancho García | 340 visitas

O Santo Padre recebeu nesta manhã os participantes da II Conferência Internacional sobre o Combate ao Tráfico de Seres Humanos: Internacional Combating Human Trafficking: Church and Law Enforcement in partnership, organizado pela Conferência Episcopal da Inglaterra e País de Gales. O encontro teve lugar hoje na Aula Magna da Pontifícia Academia das Ciências, na Casina Pio IV, no Vaticano.

Ao iniciar o discurso, o Papa Francisco disse que este era um encontro muito importante, mas também um gesto, "um gesto da Igreja, um gesto das pessoas de boa vontade que querem gritar: Basta!". Em seguida, destacou que "o tráfico de seres humanos é uma chaga no corpo da humanidade, uma ferida na carne de Cristo, um crime contra a humanidade. E o fato de nos encontramos para unir esforços significa que desejamos estratégias e competências, sim, mas coadjuvadas pela compaixão evangélica pelos homens e mulheres vítimas deste crime”.

Como recordado pelo Papa, no encontro estavam presentes autoridades policiais, que combatem o fenômeno utilizando os instrumentos e o rigor da lei”, e agentes humanitários, cuja principal tarefa é “oferecer acolhimento, calor humano e o resgate das vítimas”.  O Papa afirmou que “são duas abordagens diferentes, mas que podem e devem agir juntas. Dialogar e confrontar-se a partir de dois pontos de vista complementares é muito importante”. Destacando assim, “a utilidade deste tipo de encontros”.

Por fim, o Papa destacou a importância do encontro acontecer no intervalo de um ano do primeiro encontro, para prosseguir o trabalho em conjunto. 

(Trad.:MEM)