Fumaça branca. Habemus Papam!

Sinos da basílica de São Pedro tocam, milhares de pessoas se dirigem à praça

Cidade do Vaticano, (Zenit.org) Sergio Mora | 1566 visitas

Da chaminé da Capela Sistina saiu fumaça branca. Os sinos da basílica de São pedro estão tocando sem parar. Habemus Papam!. Os 115 cardeais reunidos em conclave começaram nesta terça-feira 12, elegeram ao novo pontífice da igreja Católica Apostólica e Romana. A fumaça branca, e o som dos sinos são o aviso sem dúvida.

Durante um período de tempo que deve resultar em algumas cerimônias anteriores, o papa recém-eleito vai sair pela varanda da basílica, e um pouco antes inclinar-se, seu nome será anunciado em latim. Então, vamos aguçar bem o ouvido e refrescar os conhecimentos da língua franca da Igreja para saber quem é o sucessor número 266 de São Pedro.

Sabemos que, neste breve espaço de tempo, o novo papa que foi eleito há poucos minutos, ao menos com o voto de 77 dos 105 cardeais, foi interrogado pelo cardeal Giovanni Battista Re, que em nome de todo o colégio dos eleitores pediu-lhe o consentimento: “Aceitas a tua eleição canônica para sumo pontífice?". Depois de receber o consentimento,  perguntou-lhe: "Com que nome você quer ser chamado?".

Neste ponto, o Mestre das Celebrações Litúrgicas Pontifícias, monsenhor Guido Marini, atuando como notário e tendo como testemunhas os dois cerimoniários, que foram chamados nesse momento, levantou a ata da aceitação do novo Papa e escrito o nome que assumiu.

Quem é com que nome quer ser chamado?, falta pouco para saber...

Sabemos que aceitou porque os encarregados acabam de queimar as cédulas que deram origem à fumaça branca.

Agora o Papa deve estar na “sala das lágrimas”, em que se vestirá pela primeira vez com as roupas papais, confeccionadas pela Gammarelli alfaiataria eclesiástica, e de lá voltará para a Capela Sistina.

Ali se realiza uma pequena cerimônia com uma leitura do Evangelho na qual se lê (Mateus 16, 13-19) "Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja".

Então os cardeais vão prestar obediência, e cantam o Te Deum.

Em poucos minutos, vamos ver o Protodiácono Cardeal Jean-Louis Tauran, que sairá pela Janela central da Basílica de São Pedro para anunciar ao povo a eleição do novo papa e que nome foi escolhido.

O papa eleito enquanto isso, se dirige, isto é uma novidade, para a Capela Paulina para rezar diante do Santíssimo.

Depois da oração, em poucos minutos, o Papa vai sair pela varanda para dar a sua primeira bênção à cidade de Roma e a todo o mundo, Urbi et Orbi, que terá a indulgência plenária.