Guarda de Finanças italiana e Gendarmeria Vaticana descobre tentativa de fraude contra o IOR

Apreendidos títulos de crédito falsificados por milhões de euros. Um dos dois denunciados foi encontrado em posse de três passaportes

Roma, (Zenit.org) Redacao | 431 visitas

Descoberta uma mega fraude contra o IOR, o Instituto para as Obras de Religião, graças à colaboração entre a Gendarmeria Vaticana e a Guarda de Finanças italiana. Dois homens, um holandês e um americano, se apresentaram na Porta Santa Ana na tentativa de entrar em território vaticano. A desculpa era que eles estavam sendo esperados no IOR.

Os dois estranhos carregavam uma maleta contendo títulos falsos avaliados em milhões de euros. O serviço de segurança, no entanto, deteve os homens no controle de entrada do Estado da Cidade do Vaticano.

Com base nos acordos em vigor entre os dois Estados, os supostos fraudadores foram entregues à Guarda de Finança italiana que, com uma investigação mais aprofundada, encontrou no hotel onde eles estavam outras falsificações de títulos, documentos e carimbos. Um dos homens foi encontrado em posse de três passaportes. Durante a investigação também foi apreendido um computador cujo conteúdo será analisado.

(Trad.:MEM)