Itália x Argentina em homenagem ao papa Francisco

Amistoso de futebol: golpe publicitário ou hipótese real?

Roma, (Zenit.org) Daniele Trenca | 597 visitas

Que o papa é apaixonado por futebol, não é nenhuma novidade. Francisco tem uma paixão já célebre pelo clube argentino San Lorenzo. Imediatamente após a sua eleição ao papado, inúmeras propostas surgiram no eixo Roma-Buenos Aires para celebrar o novo Santo Padre. Já faz algumas semanas, vem se materializando a ideia de uma partida amistosa entre a Itália e a Argentina, a ser disputada no dia 14 de agosto, em Roma. O Estádio Olímpico da capital italiana sediaria o grande evento esportivo, que poria frente a frente os azzurri de Balotelli e os albicelestes de Messi.

Vários passos têm sido dados, entre eles o cancelamento do amistoso entre Argentina e Rússia, que estava agendado para agosto. A FIFA fixou para a mesma data a partida entre Irlanda do Norte e Rússia, que foi adiada em março devido a uma forte nevasca e que é válida para as eliminatórias da Copa do Mundo de 2014.

Os argentinos ficam assim com o caminho livre para o encontro com a Itália no Estádio Olímpico de Roma. O presidente da Federação Italiana de Futebol, Giancarlo Abete, dá uma injeção de esperança: "O jogo está tomando um caminho positivo. Há perspectivas bem fundamentadas de que ele aconteça mesmo".

Os meios de comunicação argentinos chegaram a aventar a possibilidade de que o próprio papa dê o pontapé inicial da partida, mas não há nenhuma declaração oficial do Vaticano a respeito, a não ser uma qualificação dessa hipótese como "fantasiosa". A assessoria de imprensa da Santa Sé informa que a agenda do papa está "ocupada até agosto". Antes de fazer um convite oficial ao Santo Padre, as duas federações avaliarão se o amistoso é possível. Se ocorrer, mais que um simples jogo de futebol, será um evento protocolar, que não descarta a possibilidade de serem convidadas grandes personalidades esportivas da história de ambos os países: os nomes que circulam são os de Gabriel Omar Batistuta e Diego Armando Maradona.

A única certeza é que, se o jogo ocorrer de fato, toda a renda será doada para a caridade. Resta esperar. Mas a partida já está fazendo os fãs do futebol de todo o mundo começarem a sonhar.