Mais de 30 mil pessoas nos eventos de verão do santuário de Paray Le Monial

Organizadas pela Comunidade Emmanuel

| 981 visitas

PARAY LE MONIAL, segunda-feira, 20 de agosto de 2007 (ZENIT.org).- Mais de 30 mil pessoas participaram, neste verão boreal, dos eventos organizados pela Comunidade Emmanuel no santuário francês de Paray le Monial.



De 15 a 20 de agosto, 4 mil rapazes e moças participaram do Fórum dos Jovens. De 10 a 14 de julho, 2 mil pessoas estiveram na sessão para pessoas de 25 a 35 anos; e de 21 a 25 desse mesmo mês, mil pessoas participaram do segundo Congresso para a Adoração.

Segundo informaram os organizadores, neste contexto se organizaram três eventos para as famílias, nos quais participaram milhares de pais, mães e filhos; também aconteceu um encontro para pessoas celibatárias.

Dois terços dos participantes foram franceses, enquanto os demais procediam de cerca de cinqüenta países dos diferentes continentes.

Estas sessões se apresentam como um encontro com Cristo, particularmente nos sacramentos, acompanhado por momentos de encontro fraterno entre os participantes e de formação.

A Comunidade Emmanuel nasceu em Paris por iniciativa de Pierre Goursat (1914-1991) e Martine Laffitte-Catta, sobre a base da experiência de um grupo de oração da Renovação Carismática.

Originalmente constituída só por leigos, casados ou não, hoje também conta entre seus membros com sacerdotes e leigos consagrados que amadureceram a própria vocação graças à experiência vivida dentro da Comunidade.

Em 1975, a chegada da Comunidade a Paray le Monial, lugar as aparições do Coração de Jesus a Santa Margarida Maria de Alacoque (1647-1690) – na primeira sessão participaram aproximadamente 700 pessoas –, marcou uma etapa importante de sua história e o início de sua difusão internacional.

Ao longo da década de noventa, cada vez são mais os bispos que confiam à comunidade missões paroquiais e a animação das paróquias, que chegam a ser verdadeiros centros de vida fraterna e de evangelização.

Em 8 de dezembro de 1992, o Conselho Pontifício para os Leigos decretou o reconhecimento da Comunidade como associação internacional de fiéis de direito pontifício.

Depois de que nos anos sessenta decaísse o número de peregrinos, hoje o santuário de Paray le Monial acolhe cerca de 300.000 pessoas ao ano (www.sanctuaires-paray.com).