Mensagem de natal do papa ao Hospital Bambino Gesù

Realizado concerto beneficente em prol do hospital pediátrico

| 879 visitas

ROMA, quinta-feira, 20 de dezembro de 2012 (ZENIT.org) - O cardeal Tarcisio Bertone, secretário de Estado vaticano, visitou nesta terça-feira, 18 de dezembro, o famoso hospital romano Bambino Gesù para transmitir as felicitações de natal do papa Bento XVI.

O Bambino Gesù é um complexo de ponta que oferece 40 especializações pediátricas, tem 550 leitos e registra todos os anos cerca de 25.000 atendimentos. A área do monte Janículo onde fica o hospital desfruta de extraterritorialidade e pertence ao Estado da Cidade do Vaticano. Em outubro passado, o hospital abriu uma nova unidade para atividades ambulatoriais, localizada perto da basílica de São Paulo Extramuros e batizada em homenagem a Bento XVI. Nos próximos meses, a nova unidade contará com um grande centro de pesquisas pediátricas.

Dirigindo-se às equipes médicas e aos pacientes, o cardeal recordou que o natal é "o repetir-se de um evento de bondade". Para um crescimento harmonioso, as crianças "precisam experimentar a alegria e a segurança, começando pelo ambiente em família". Mas também precisam entender o sofrimento, "uma lição de vida que nós, adultos, devemos ser capazes de transmitir às crianças e aos jovens".

O cardeal também agradeceu a todos os profissionais de saúde “pelo trabalho duro e pelo profissionalismo” e os convidou a "superar todo egoísmo, marca do homem velho dentro de nós, e a viver a verdade de um novo tempo que foi inaugurado pelo nascimento do Redentor".

O cardeal Bertone também se manifestou sobre o recente massacre de crianças em Newtown, no estado de Connecticut, EUA. "A angústia dessa tragédia deve se transformar em oração fervorosa e inspirar em todos, especialmente naqueles que detêm o poder, um forte desejo de estabelecer medidas eficazes para proteger a vida das crianças".

Ainda como parte das celebrações de fim de ano, aconteceu no domingo, 16 de dezembro, um concerto beneficente no Senado da República Italiana. Todos os fundos arrecadados com a venda de ingressos (42.000 euros, com ingresso mínimo a 120 euros) foram doados ao hospital Bambino Gesù e ao projeto Orphanet Itália, portal sobre doenças raras e medicamentos que não são fabricados ou não são colocados no mercado devido à demanda insuficiente para cobrir seus custos de produção.

O concerto foi realizado pela orquestra da Ópera de Roma, conduzida pelo maestro Riccardo Muti, diretor musical da Orquestra Sinfônica de Chicago, e contou com a participação dos jovens cantores do projeto Aspettando Verdi, do Festival da cidade de Ravenna.

(Trad.Zenit)