Natal na Praça de São Pedro

Homenagem da Região de Basilicata ao Papa Bento XVI

| 760 visitas

CIDADE DO VATICANO, quarta-feira, 5 de dezembro, 2012 (ZENIT.org) – O tradicional presépio de Natal, construído como todos os anos aos pés do Vaticano no belo cenário das colunas de Bernini, será doado pela Região de Basilicata.

Expressando o sentimento da comunidade Lucane de proximidade à Igreja Universal e ao seu Pastor, Basilicata presta homenagem a Sua Santidade o Papa Bento XVI doando um presépio monumental realizado pelo maestro Francesco Artese, considerado um dos mais importantes representantes das escolas da natividade.

A tradição do presépio, renovada pelo trabalho artístico de Artese, que há anos exibe em locais de prestígio o Mistério da Sagrada Família, com seus valores de simplicidade e fé, é especialmente sentida na região lucana como documentam os vários presépios permanentes presente na região.

O fascínio  e a peculiaridade da obra de Artese residem em sua reinterpretação artística da paisagem das Pedras de Matera e na encenação da vida cotidiana dos camponeses. A instalação do Mestre remete - de acordo com uma nota informativa - à paisagem cultural da murgia materana, cuja morfologia do território lembra os lugares da Terra Santa.

Uma paisagem enriquecida pelo trabalho de religiosos que escolhendo viver naquele ambiente transformaram o lugar num lar de sacralidade edificando 154 igrejas rupestres, mosteiros e santuários que desde a Idade Média até o século XIX delinearam a identidade de uma ampla área agora considerada como "Patrimônio Mundial" (UNESCO).

Toda a cena da Natividade, na Praça de São Pedro, mesmo tendo a inspiração de um gênero iconográfico tradicional, é definida por elementos que imitam a arquitetura e os lugares típicos da paisagem daquela região.

O ambiente humano é aquele da antiga civilização Lucacana, a civilização das mãos, com base nos antigos artesanatos, transmitida de pai para filho, e caracterizado por uma dimensão laboriosa e frugal. As estátuas, mais de 100 peças, feitas inteiramente de barro, são cobertas com roupas de pano feitas à mão e inspirada nos trajes típicos dos camponeses.

O Presépio, cujo layout é personalizado pelos Serviços Técnicos do Estado da Cidade do Vaticano, tem aproximadamente 150 metros quadrados. O complexo da arquitetura da obra é feito inteiramente de poliestireno e coberto com uma camada de argamassa de cimento, apoiado numa estrutura de metal e madeira  com dimensões de 11 por 13 metros. Desta maneira, toda a estrutura é levantada do solo de cerca de 90 cm, com uma altura que varia de 6 a 8 metros.

A iluminação foi realizada pelo cenógrafo Mario Carlo Garrambone, com objetivo particular de valorizar com a luz o trabalho de Artese, utiliza sistemas tecnológicos do âmbito cinematográfico.

(Tradução e adaptação MEM)