Nova diretoria de Signis Brasil planeja plano de ação para o triênio

Nesta terça-feira, 18, Signis Brasil reuniu-se com a nova diretoria e conselho fiscal para planejar o plano de ação para o próximo triênio, no SEPAC (Serviço à Pastoral de Comunicação), na Rua Dona Inácia Uchoa, 62 Vila Mariana, São Paulo, SP.

São Paulo, (Zenit.org) Redacao | 346 visitas

A missão de Signis Brasil é animar, unir e congregar todos os meios de comunicação. Com esta missão a Signis Brasil realizou a primeira reunião com a nova diretoria eleita pela Assembleia realizada em novembro de 2013.

A presidente de Signis Brasil, Ir. Helena Corozza, acolheu aos novos representantes da diretoria. A nova diretoria é composta pela presidente, Irª Helena Corazza (Sepac), vice presidente padre Edward John Dougherty (Rede Século 21), secretário padre Evaldo Souza (A12), tesoureiro padre Sérgio Gheller (Rede Scalabriniana/Redesul), conselho fiscal Geizom Sokaschesk (Rede Evangelizar é Preciso), padre Judinei Vanzeto (Revista Rainha dos Apóstolos) e padre Reinaldo de Sousa Leitão (Revista Rogate).

Para o secretário de Signis Brasil, pe. Evaldo Souza, “neste primeiro encontro foi o conhecimento de cada um dos membros da nova diretoria, do jeito que eles trabalham de sua índole, no momento de planejamento. Depois foi um grande número de ideias, de sonhos e de projetos sempre em busca de promover a comunhão dos meios de comunicação na Igreja Católica no Brasil”.

Durante a reunião a Ir. Helena ajornou sobre o Congresso Mundial da Signis e seus desdobramentos, que foi realizado em Roma. Na pauta também conversou sobre a presença de Signis Brasil no 9º Miticom, no Espírito Santo. Outro encontro nacional importante que Signis estará presente será o 4º Encontro Nacional da Pastoral da Comunicação e o 2º Seminário Nacional de Jovens Comunicadores. E por último foi debatido o planejamento do plano de ação para o triênio, de Signis Brasil.

Para a presidente de Signis Brasil, Ir. Helena Corazza, “este primeiro encontro foi muito proveitoso às pessoas novas entrando na associação, conhecendo profundamente e querendo ajudar a crescer, a expandir a tornar conhecida. Sinto que as pessoas estão vestindo a camisa. Continua Ir. Helena “nós somos Signis e estamos prestando serviço a Igreja. Então na diversidade dos temas do evento, da necessidade de nos tornar presentes, dessa consciência de que precisamos fazer pontes na Igreja e provocar a união, a comunhão entre as pessoas”.

"Unir, congregrar e fazer projetos conjuntos acho que o caminho que o caminho que estamos descobrindo é o de projetos conjuntos que nos fortalecem e que dão visibiidade a Igreja", completa Ir Helena. 

[Fonte: Signis Brasil / Enviado a ZENIT por Marcos Beltramin]