O estado permanente de missão

Saudação da CNBB ao novo bispo de Pemba (Moçambique)

Brasília, (Zenit.org) | 619 visitas

Reproduzimos a seguir a saudação ao novo bispo de Pemba (Moçambique) publicado no site da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB)

Dom Leonardo Steiner, em nome da CNBB, envia saudação especial ao novo bispo brasileiro, nomeado nesta quarta-feira, 12 de junho, pelo Papa Francisco: Monsenhor Luís Fernando Lisboa, missionário passionista, como novo bispo da Diocese de Pemba, em Moçambique.

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil recebeu, com alegria, a notícia dada pela Nunciatura Apostólica de que o Papa Francisco nomeou Monsenhor Luís Fernando Lisboa, missionário passionista, como novo bispo da Diocese de Pemba, em Moçambique.

Um tema permanente na vida cristã, evidenciado pela Conferência de Aparecida, assumido pelo episcopado brasileiro e atualizado pelas últimas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora no Brasil, o estado permanente de missão é simbolicamente contemplado na nomeação que o Santo Padre fez na manhã desta quarta-feira, 12 de junho. Um padre brasileiro é enviado ao continente africano para ser o pastor de um povo irmão. Um filho da nossa pátria é feito bispo para uma diocese moçambicana.

Monsenhor Luis Fernando traz em seu itinerário sacerdotal, além de vasta experiência na formação de novos passionistas e junto às comunidades em diversas paróquias, o contato de quase uma década com o povo de Moçambique. Lá, ele foi formador e pároco na diocese que agora lhe é confiada como bispo.  Sua nomeação conduz a retomada - para meditação - de uma bela inspiração de nossas Diretrizes Gerais: “.. a Igreja nunca deixou de ser missionária. Em cada tempo e lugar, esta missão assume perspectivas distintas, nunca, porém, deixa der acontecer. Se hoje partilhamos a experiência cristã, é porque alguém nos transmitiu a beleza da fé, apresentou-nos Jesus Cristo, acolheu-nos na comunidade eclesial e nos fascinou pelo serviço ao Reino de Deus” (DGAE, 30).

Saudamos a Monsenhor Luís Fernando e aos passionistas e desejamos ao povo da Diocese de Pemba um tempo cheio de frutos como Igreja Particular.

Leonardo Ulrich Steiner
Bispo Auxiliar de Brasília
Secretário geral da CNBB