Ordem do Santo Sepulcro reza pela paz na Terra Santa

Carta do Grão-mestre da Ordem, cardeal John P. Foley

| 985 visitas

ROMA, segunda-feira, 13 de setembro de 2010 (ZENIT.org) – O Grão-mestre dos Cavaleiros do Santo Sepulcro, cardeal John P. Foley, enviou uma carta aos 26 mil membros da Ordem pedindo-lhes que rezem pela paz na Terra Santa, em vista da retomada das negociações de paz entre as autoridades palestinas e de Israel.

“Embora as perspectivas de êxito das negociações não pareçam muito prometedoras, o fato de que aconteça é encorajador”, afirma o purpurado, na carta de 7 de setembro.

“Todos no Oriente Médio se beneficiariam de uma paz justa e duradoura entre Israel e Palestina, mas nossos irmãos cristãos seriam talvez os maiores beneficiados, dado que a maioria deles poderia permanecer na terra que foi santificada pela vida, morte e ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo, cujos antepassados se converteram em seus seguidores há cerca de dois mil anos e permaneceram fiéis pagando um preço muito alto.”

“Por esse motivo, nestes dias que também estarão caracterizados pelo Sínodo dos Bispos sobre o Oriente Médio”, que será celebrado em Roma de 10 a 24 de outubro, o cardeal pede aos cavaleiros e seus familiares “que dirijam suas orações pela paz no Oriente Médio, especialmente na Terra Santa, pelo êxito das negociações entre Israel e a Autoridade Palestina, e também pelos frutos espirituais do da assembleia do Sínodo”.