Os católicos da Índia são solidários com os Intocáveis

Celebrado o domingo de Libertação do Dalit

| 1186 visitas

NOVA DÉLHI, sexta-feira, 16 de dezembro, 2011 (ZENIT.org) - As paróquias indianas comemoraram no último fim de semana o domingo da Libertação dos Dalit, durante o qual os cristãos renovaram seu compromisso com aqueles que, pela origem Dalit (intocáveis ), ainda sofrem o tradicional tratamento reservado à sua casta.

A festa é celebrada todos os anos no domingo mais próximo ao Dia Internacional dos Direitos Humanos, que acontece a cada 10 de dezembro. O tema deste ano foi o nosso Deus com as pessoas que lutam.

A Conferência Episcopal indiana e o Conselho Nacional das Igrejas indianas apoiaram a celebração; orientações especiais foram enviadas para todas as dioceses e congregações religiosas.

"A sociedade indiana ainda está sob o domínio da cultura de castas, que continua a transmitir éticas, atitudes, estruturas que favorecem a desigualdade e práticas de desumanização dos intocáveis", afirmam os bispos indianos em um comunicado publicado no seu site.

"Contrariando a visão de Cristo no Evangelho, a ‘mentalidade da casta' prevalece também na comunidade cristã. Essa viola a dignidade dada por Deus e a igualdade entre os homens. A dignidade humana e o respeito são devidos à pessoa humana e toda negação disso é um pecado contra Deus e os homens "(Declaração sobre as castas da Conferência episcopal indiana de 1982).

O site dos bispos diz que o Domingo da Libertação dos Dalit tem “transmitido ao povo de Deus a esperança de que Deus os acompanha na batalha para alcançar a igualdade de direitos para os Dalit cristãos e para os Dalit muçulmanos e os esforços para construir comunidades de justiça, paz e alegria".