Panamá: sacerdote espanhol é assassinado em frente a casa de bispo

Aní­bal Gómez, 67 anos, foi encontrado morto na diocese de Colón

Roma, (Zenit.org) | 507 visitas

O padre espanhol Aníbal Gómez, de 67 anos, foi encontrado morto na tarde de ontem, por volta das 13 horas do horário local, na entrada da casa do bispo emérito da diocese panamenha de Colón-Kuna Yala. O bispo, dom Carlos María Ariz Bolea, CMF, não estava em casa no momento.

De acordo com fontes locais da agência Fides, o motivo do assassinato pode ter sido uma tentativa de assalto. O sacerdote, que apresentava hematomas, tinha sido amarrado e morreu devido aos ferimentos.

O pe. Gómez era o pároco da igreja de María Madre de Dios. A região de Davis de Colón, onde ocorreu o crime, é considerada especialmente violenta e vem sofrendo um aumento da delinquência. Outro sacerdote da região, o pe. Teófilo Rodríguez, declarou à imprensa local: “Estamos preocupados com o nível de violência que estamos vivendo. Um homem de Deus foi espancado até a morte! Ele estava cheio de feridas no corpo e com o rosto desfigurado pelas pancadas”.

O arcebispo da Cidade do Panamá, dom José Domingo Ulloa Mendieta, OSA, manifestou grande pesar pela morte do sacerdote e preocupação com os atos de violência: “Aconteceu em plena luz do dia. Isso tem que nos fazer refletir, e todos juntos temos que colaborar para acabar com essa violência e com os assassinatos que estão acontecendo".