Papa apresenta aos enfermos dois companheiros de caminho: Eucaristia e Maria

Na mensagem por ocasião da Jornada Mundial do Enfermo 2008

| 912 visitas

CIDADE DO VATICANO, terça-feira, 22 de janeiro de 2008 (ZENIT.org).- Bento XVI apresenta aos enfermos dois companheiros de caminho, a Eucaristia e Maria, na mensagem que escreveu por ocasião da Jornada Mundial do Enfermo 2008.

Neste ano, o centro mundial desta celebração, em 11 de fevereiro, será o santuário de Lourdes, que celebra os 150 anos das aparições de Nossa Senhora a Bernadette Soubirous (http://www.lourdes2008.com).

Em sua carta, o Papa constata que o aniversário, em 2008, coincide com o Congresso Eucarístico Internacional, que se celebrará na arquidiocese canadense de Quebec, de 15 a 22 de junho (http://www.cei2008.ca).

Por este motivo, o Papa espera que a Jornada Mundial do Enfermo sublinhe «a importância da santa Missa, da Adoração eucarística e do culto da Eucaristia, de modo que as capelas nos centros de saúde se convertam no coração palpitante no qual Jesus se oferece incessantemente ao Pai pela vida da humanidade».

«A distribuição da Eucaristia aos enfermos, feita com decoro e espírito de oração, é uma verdadeira consolação para quem sofre pelas aflições de toda doença», assegura.

Desta forma, o bispo de Roma deseja que essa Jornada seja «uma circunstância propícia para invocar de modo especial a proteção materna de Maria aos que são provados pela enfermidade, aos agentes de saúde e aos agentes da pastoral de saúde».

«Que ela os ajude para que cada um testemunhe que a única resposta válida à dor e ao sofrimento humano é Cristo que, ressuscitando, venceu a morte e nos doou a vida que não tem fim.»

A carta tem por tema «A Eucaristia, Lourdes e o cuidado pastoral dos enfermos». Em 11 de fevereiro se celebra o aniversário da primeira aparição de Maria. As celebrações no santuário serão presididas por um enviado especial de Bento XVI, que neste ano tem a intenção de viajar até essa localidade dos Pirineus.