Para Deus,a autoridade significa serviço, humildade e amor

As palavras de Bento XVI durante o Ângelus do IV Domingo do Tempo Comum

| 1301 visitas

CIDADE DO VATICANO, domingo, 29 de janeiro de 2012(ZENIT.org) - Apresentamos as plavras de Bento XVI pronunciadas hoje, por ocasião do Ângelus, aos peregrinos congregados na Praça de São Pedro.

***

Queridos irmãos e irmãs!

O Evangelho deste domingo (Mc 1,21-28) nos mostra Jesus que, nos dias de sábado, prega na sinagoga em Cafarnaum, uma pequena cidade no lago da Galiléia onde habitavam Pedro e seu irmão André. Em seu ensinamento, que suscita maravilha nas pessoas, segue a libertação de ‘um homem possuído por um espírito impuro’ (v.23), que reconhece em Jesus o ‘santo de Deus’, isto é, o Messias. Em pouco temo, sua fama se propaga por toda a região, que Ele percorre anunciando o Reino de Deus e curando os doentes de todos os tipos: palavra e ação. São João Crisóstomo observa como o Senhor ‘alterna o discurso em beneficio dos que escutam, passando dos prodígios às palavras e novamente do ensinamento de sua doutrina aos milagres’(Hom.inMattheceum 25,1:pg57,328)

A palavra que Jesus dirige aos homens abre imediatamente o acesso ao desejo do Pai e a verdade sobre si mesmo. Não é assim que acontece com os escribas, que se esforçavam para interpretar as Sagradas Escrituras com inúmeras reflexões. Além da eficiência da palavra, Jesus unia os sinais de libertação do mal. Santo Atanásio observa que ‘comandar os demônios e expulsá-los não é obra humana, mas divina’, de fato, o Senhor ‘afastava dos homens todas as doenças e qualquer enfermidade. Quem, vendo o seu poder...poderia ainda duvidar que Ele fosse o Filho, a Sabedoria e a Potência de Deus?’ (Oratio de Incarnatione Verbi 18.19:Pg25,128 BC.129B). A autoridade divina não é uma força da natureza. É o poder do amor de Deus que cria o universo e, se encarnado no Filho Unigênito, descendo na nossa humanidade, cura o mundo corrompido pelo pecado. Escreve Romano Guardini:”Toda a existência de Jesus é tradução da potência em humildade...é a soberania que se abaixa em forma de servo”(O Poder, Brescia 1999,141.142).

Geralmente para o homem a autoridade significa possuir, poder, dinheiro, domínio, sucesso. Para Deus em vez, autoridade significa serviço, humildade, amor; significa entrar na lógica de Jesus que se abaixa para lavar os pés dos discípulos (cfr João13,5), que busca o verdadeiro bem do homem, que cura as feridas, que é capaz de um amor tão grande  (a ponto de) dar a vida, porque é Amor. Em uma de suas cartas Caterina da Siena escreve: “É preciso que vejamos e conheçamos, na verdade, com a luz da fé, que Deus é o Amor supremo e eterno, e não pode querer outra coisa senão o nosso bem” (Ep.13 in:As cartas, vol.3, Bologna 1999,206).

Queridos amigos, quinta-feira próxima, 2 de fevereiro, celebraremos a festa da Apresentação do Senhor no templo. Jornada Mundial da Vida Consagrada. Invoquemos com confiança Maria Santíssima, pare que guie nossos corações atraídos sempre pela misericórdia divina, que libera e cura a nossa humanidade, enchendo-a de todas as graças e bençãos, com a potência do amor.

***

Depois do Ângelus

Queridos irmãos e irmãs,

Hoje em Viena, foi proclamada Beata Hildegard Burjan, leiga, mãe de família, que viveu entre os séculos oitocentos e novecentos e fundadora da Sociedade das Irmãs da Caritas socialis. Louvemos ao Senhor por este belo testemunho do Evangelho!

Neste domingo acontece a Jornada mundial dos doentes de lepra. Em minha saudação a Associação Italiana Amigos de Raoul Folereau, gostaria de acrescentar meu encorajamento a todas as pessoas afetadas por esta doença, como também aos que  cuidam e, de diversas maneiras, se empenham em eliminar a pobreza e a marginalização, verdadeiras causas do contagio.

Recordo a Jornada internacional de intercessão pela paz na Terra Santa. Em profunda comunhão com o Patriarca Latino de Jerusalém e o Custodie da Terra Santa, invocamos o Dom da paz para aquela Terra abençoada por Deus.

 ***

 No final o Papa saudou os peregrinos nas seguintes línguas:

 J’accueille avec joie les pèlerins de langue française. Dans l’Évangile de ce dimanche nous voyons Jésus parler avec autorité, et sa Parole, qui nous délivre de l’esprit du mal, nous révèle l’inlassable fidélité de Dieu pour tout homme. Aujourd’hui encore, cette Parole nous rend libres et elle nous invite à sortir de notre silence. L’Esprit-Saint, que nous avons reçu, fait de nous des prophètes. Notre vocation chrétienne nous pousse donc à accueillir et à annoncer autour de nousla Bonne Nouvellede Jésus. Quela Vierge Marienous aide à être des témoins intrépides de l’Évangile ! Bon dimanche à tous !

I offer a warm welcome to the English-speaking pilgrims and visitors present at this Angelusprayer.  In this Sunday’s Gospel we hear how the unclean spirit recognizes Jesus as the “Holy One of God”.  Let us pray that, despite the distractions of life and the apparent progress of evil, we may continue to put our faith in the Lord Jesus who is “the way, the truth and the life”.  I wish all of you a good Sunday.  May God bless you!

Ganz herzlich grüße ich die Pilger und Besucher deutscher Sprache und verbinde mich in besonderer Weise mit allen Gläubigen, die heute nachmittag im Wiener Stephansdom an der Seligsprechung von Hildegard Burjan teilnehmen. Sie sagte: „Ich weiß sicher, daß es nur ein wahres Glück gibt, und das ist die Liebe Gottes! Alles andere kann erfreuen, aber Wert hat es nur, wenn es aus dieser Liebe stammt, in ihr begründet ist.“ Aus dieser Liebe hat Hildegard Burjan gelebt. Und als Gründerin der Schwesterngemeinschaft Caritas Socialis hat sie Frauen um sich geschart, die bis heute Quelle dieser Liebe sein wollen, um den notleidenden Menschen Hilfe und Trost und Hilfe zukommen zu lassen. Nach dem Beispiel von Hildegard Burjan versuchen auch wir Boten der helfenden Liebe Gottes zu sein. Einen guten Sonntag euch allen!

Saludo cordialmente a los peregrinos de lengua española presentes en esta oración mariana, en particular a los alumnos del Instituto Diego Sánchez, de Talaverala Real, del Colegio San Atón, de Badajoz, así como a los fieles procedentes de Valencia, Cádiz, Ceuta y Jérez. Con el salmista invito a todos a escuchar la voz de Dios y a no endurecer el corazón. Busquemos tiempo para meditar cuanto el Señor nos propone en la divina Palabra y respondamos a ella con una oración sincera, constante y humilde. De ahí sacaremos fuerzas para afrontar las dificultades de la vida y servir con sencillez a los que nos rodean, sobre todo a quienes pasan por pruebas diversas. Feliz Domingo.

Z serdecznym pozdrowieniem zwracam się do Polaków. W tym tygodniu, w święto Ofiarowania Pańskiego, obchodzimy dzień życia konsekrowanego. Wdzięczni zakonnikom i zakonnicom za ich posługę modlitwy, działalność apostolską i charytatywną w Kościele, módlmy się o nowe powołania. Niech Duch Święty rozpala w wielu sercach pragnienie całkowitego oddania siebie Chrystusowi w ubóstwie, posłuszeństwie i czystości. Niech Bóg wam błogosławi.

E saluto con affetto i pellegrini di lingua italiana, in particolare i fedeli venuti da Taranto, Bari e Civitavecchia, e i numerosi ragazzi dell’Azione Cattolica di Roma con i loro educatori e familiari. Cari ragazzi, anche quest’anno avete dato vita alla “Carovana della Pace”. Vi ringrazio e vi incoraggio a portare dappertutto la pace di Gesù. E accanto a me ci sono due di voi. Adesso ascoltiamo il messaggio letto da Noemi.

Grazie Noemi, hai fatto molto bene! Ed ora liberiamo le colombe, che i ragazzi hanno portato, come segno di pace per la città di Roma e per il mondo intero.

Vogliono stare nella casa del Papa!

Bom domingo a todos vocês! Bom domingo!

(Tradução:MEM)